Blog da Redação

postado: 16 de Março de 2017 às 17:46

Lollapalooza 2017: Cervejas artesanais e kombucha são pedidos mais frequentes dos artistas

  • Imprimir

Por Redação

Caso você fosse de uma banda que estivesse prestes a tocar no Lollapalooza 2017, o que pediria no camarim? Todos os anos, diversos músicos que tocam no festival surpreendem pelas exigências (às vezes esdrúxulas) do que não deve faltar nos bastidores dos shows.

Entre os pedidos inusitados deste ano estão os de DJ Borgore, que exigiu um pacote de meias, cuecas do tipo boxer, uma bandeira do Brasil e uma camiseta extra grande do festival.

Já os integrantes do Two Door Cinema Club, que toca no domingo, 26, segundo dia de evento, foram mais humildes nas exigências. Eles querem encontrar no camarim kombucha, leite de amêndoas e pizzas.

Se os membros do grupo irlandês foram sucintos no pedido, o Strokes caprichou nas exigências. Frutas orgânicas (como maçãs, bananas, uvas, abacaxis cortados, melancias cortadas e tomates), tábua de queijos, cesta de pães, Nuts, manteiga vegetal, barra de chocolate de coco, amendoins, barra de chocolate ao leite com amêndoas, guacamole, cooler com muito gelo, kombucha, ovos, banco, latas de lixo grandes e (mais brasileiro impossível) pão de queijo e pamonha não devem faltar na antessala dos shows.

Conforme informa a assessoria do evento, os pedidos mais comuns são comidas veganas, tanto da produção quanto dos artistas. Seguindo o padrão dos pedidos, a dupla indie Tegan & Sara quer que tenha no camarim alimentos como hummus, rúcula, abacate, banana e cervejas artesanais.