Edição 109 - Setembro de 2015

Irmandade de Talento

Djs britânicos do Disclosure lançam o segundo disco e garantem volta ao Brasil
  • Imprimir
Irmandade de Talento
DIVULGAÇÃO
por Lucas Borges

O voo alto de settle (2013) rendeu ao Disclosure frutos inestimáveis, que vão além da popularidade e de números altos em vendas. A partir da gravação do primeiro disco, os irmãos ingleses Guy e Howard Lawrence ganharam uma companhia para a vida inteira, quase um terceiro integrante. O nome dele é Sam Smith.

“Sam é parte da família, somos amigos muito, muito próximos, nos falamos toda hora”, conta Howard sobre o conterrâneo e vencedor de quatro prêmios Grammy em 2015. A amizade, revela Howard, surgiu da participação de Smith na faixa “Latch”, de Settle. Dali em diante, os laços só se estreitaram e simplesmente estava fora de cogitação a ideia de não incluir o parceiro em Caracal, novo trabalho do Disclosure, cujo lançamento está marcado para 25 de setembro. “Só mandamos uma mensagem dizendo quando ele deveria estar em Londres para nos encontrarmos no estúdio, foi bem casual. Passamos três dias fazendo o de sempre, compondo ao piano.”

Smith marca presença em Caracal acrescentando sua voz inconfundível às palmas ritmadas da canção “Omen”. Ele também protagoniza o clipe da música, uma megaprodução futurista que, junto aos vídeos de outras três músicas do trabalho, conta a história de uma misteriosa garota da Cidade do México.

Tudo faz parte dessa nova estética do Disclosure, de?nida pelo animal estampado na capa do álbum – um caracal, exótico felino que habita a África e a Ásia – e, claro, também pela música, um UK garage que automaticamente transporta o ouvinte para uma intimista casa noturna londrina. “O que mudamos nesse disco é que espelhamos esse som em uma vasta variedade de velocidades e estilos. Fizemos R&B, soul music e outras coisas”, explica Howard. O repertório ainda é enriquecido pelas participações de Lorde, Gregory Porter, Miguel e The Weeknd.

Os irmãos prometem que, depois de terem participado do Lollapalooza 2014, em São Paulo, como ilustres desconhecidos para um volumoso público, não se esquecerão do Brasil agora. “De?nitivamente vamos ao país, é 100% garantido. Ainda estamos fechando a agenda, mas será depois que o álbum for lançado, quando sairmos em turnê mundial”.