Edição 115 - Março de 2016

Com o Aval de David Bowie

Animação Zoom tem elenco de peso e a canção “Oh! You Pretty Things” na trilha
  • Imprimir
Com o Aval de David Bowie
Divulgação
por Christian Petermann

O cinema brasileiro não tem muita tradição em títulos voltados ao espectador jovem. A estreia da comédia com cenas de animação Zoom, primeiro trabalho solo do diretor Pedro Morelli (cujo debute em longa-metragem foi na codireção do drama Entre Nós, ao lado do pai, Paulo Morelli), vem diminuir essa carência. “O roteiro é uma loucura e mistura vários tons e princípios estéticos. Filmamos no Brasil e no Canadá
com uma quantidade apertada de diárias, 90% falado em inglês e com um elenco internacional de peso [que inclui Gael García Bernal, Alison Pill e Jason Priestley]”, relata o cineasta.

Gael, atualmente protagonista da premiada série Mozart in the Jungle, personifica um diretor de cinema e é um dos ganchos de bilheteria da produção, assim como Mariana Ximenes, que interpreta uma modelo com
vocação literária. “Gael é ótimo de improvisação. Isso caiu como luva, já que as cenas são animadas e filmamos em cenários muito simples, apenas com marcações de espaço.”

Além da linguagem visual, a trilha sonora é outro ponto de comunicação com o público jovem. A parte incidental foi composta pelo DJ canadense Kid Koala e a seleção de faixas inclui títulos de fácil reconhecimento – o mais importante deles na trama é “Oh! You Pretty Things”, de David Bowie. Morelli abre um sorriso ao dizer que esta “é a parte do filme que mais me deu orgulho até agora”. “A gravadora estava pedindo muito dinheiro. Foi aí que o nosso supervisor musical conseguiu mostrar Zoom para o próprio Bowie! E ele liberou a música por um valor cinco vezes menor que o cobrado inicialmente”, revela. “Só de imaginar o Bowie vendo o filme na casa dele, curtindo e falando para o assessor ‘libera aí!’, já sinto que valeu a pena.”