Gilmore Girls – Um Ano para Recordar
Reprodução

Gilmore Girls – Um Ano para Recordar

Guias / DVDs - Stella Rodrigues Publicado em 17/01/2018, às 13h46 - Atualizado às 13h48

Um Ano para Recordar nasceu cheio de boas intenções e a partir de muita demanda. Era um revival com razão de ser: quando a sétima temporada de Gilmore Girls foi realizada, entre 2006 e 2007, os criadores/showrunners Amy Sherman-Palladino e Daniel Palladino não estavam presentes. O casal brigou com a Warner e deixou o programa nas mãos da equipe, que se esforçou, mas entregou aos fãs um produto bem aquém daquele ao qual estávamos acostumados. O diálogo rápido e esperto, marca registrada da série, passou a soar forçado e o programa durou só mais uma temporada – foi cancelado sem desfecho oficial. Após anos de campanha dos fãs, a Netflix aceitou o desafio: uniu-se ao time Palladino e produziu quatro filmetes que narram um ano na vida das garotas Gilmore, sendo que Rory (Alexis Bledel) agora está na idade que Lorelai (Lauren Graham) tinha quando a série original começou – e continua tão perdida quanto sempre. O texto característico voltou, com a voz original e inalterada dos Palladino. Mas a vontade de servir aos fãs transformou Um Ano para Recordar em um Frankenstein insuficiente.

Fonte: Warner

Últimos Guias DVDs