Guia de Livros

Cosa Nostra no Brasil

Cosa Nostra no Brasil

Leandro Demori Companhia das Letras
  • Rolling  Stone:
    Whole StarWhole StarWhole Star1/2 StarEmpty Star
  • Imprimir
por Mauricio Duarte
19 de Abril de 2017
Tommaso Buscetta foi um dos nomes mais infames da máfia siciliana. Responsável pela delação que implodiu centenas de esquemas criminosos e operações ilegais, Don Masino, como também era conhecido, expôs as vísceras da máfia Cosa Nostra aos olhos da Justiça e da opinião pública. Buscetta viveu por aqui em três períodos, em intervalos que foram dos anos 1950 até os 1980. Na década de 1970, chegou a ser preso e torturado pelo Dops, em Santa Catarina, em uma diligência comandada pelo delegado Sérgio Paranhos Fleury. O italiano foi o responsável por fazer com que o Brasil se tornasse ponto central da rota que levava heroína para os Estados Unidos, onde também morou. A narrativa de Leandro Demori, bem fundamentada em documentos e depoimentos, dá a dimensão do que esse criminoso significou para a Cosa Nostra – tanto para a ascensão quanto para o declínio do grupo, em meio a uma guerra brutal em que sangue se pagava com mais sangue.