Após internação, Demi Lovato “está acordada e com a família”

Os parentes da cantora pedem por “privacidade e que não especulem nada, pois a saúde e recuperação dela são prioridades neste momento”

Rolling Stone EUA Publicado em 25/07/2018, às 10h51 - Atualizado às 11h14

Demi Lovato durante apresentação em Lisboa, Portugal
Pedro Fiúza/NurPhoto/Sipa USA/AP

Um representante da Demi Lovato contou à Rolling Stone EUA que a cantora “está acordada e com a família”, após ser hospitalizada na última terça, 24, devido a uma suposta overdose.

De acordo com a declaração, os parentes “agradecem a todos pelo amor, preces e força”, além de pedirem também por “privacidade e que não especulem nada, pois a saúde e recuperação dela são prioridades neste momento”, já que “parte das informações sendo divulgadas está incorreta”.

O representante não especificou qual seria essa informação errada, mas o site da TMZ alterou sua nota oficial para substituir a afirmação de que a cantora sofreu uma overdose de heroína. Agora o texto diz que a substância que causou a internação foi um “opióide não especificado”.

Demi sempre foi muito aberta sobre os problemas com drogas e álcool que enfrenta, abordando diretamente essas questões e também sua recuperação no documentário Simply Complicated (2017). Apesar disso, em junho a cantora lançou a música “Sober”, na qual admite uma recaída, cantando: “Momma, I’m so sorry I’m not sober anymore”.