Cee Lo Green muda a letra de "Imagine" e irrita fãs de John Lennon

Apresentação de versão do rapper ocorreu durante o Ano Novo em Nova York no último sábado, 31; assista aqui
  • Imprimir
Cee Lo Green
AP
por Matthew Perpetua
2 de Jan. de 2012 às 12:05

O rapper Cee Lo Green irritou fãs de John Lennon no último sábado, 31, ao apresentar uma versão focada no soul do clássico "Imagine" e com as letras alteradas de "nothing to kill or die for and no religion too" ("nada para matar ou morrer e nem religião também") para "nothing to kill and die for all religion's true" ("nada para matar e morrer já que toda religião é verdade", em tradução livre).

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

De acordo com alguns fãs, Green mudou o significado da música ao trocar a frase. "O objetivo todo da letra é que religião faz mal", escreveu no Twitter alguém com a alcunha @geekysteven. "Se toda religião é verdade, [o mundo] seria um lugar bem sombrio."

Green, que cantou na transmissão de Ano Novo do canal NBC na Times Square, em Nova York, respondeu às críticas na alteração postando no Twitter. "Aí, eu não quis desrespeitar ao mudar a letra, caras! Eu estava tentando dizer 'um mundo em que você poderia acreditar no que quiser', é apenas isso". Ele respondeu diretamente a outros fãs irados de Lennon, mas depois deletou os posts.

Você pode assistir a apresentação de "Imagine" de Cee Lo Green abaixo (a música começa aos 3'55'' do vídeo):