James Gunn tem filme de terror adiado após tuítes de pedofilia

O diretor teve o painel da Comic-Con San Diego cancelado e foi demitido de Guardiões da Galáxia 3

Redação Publicado em 09/10/2018, às 12h05

None
Reprodução

Segundo o “Discussing Film”, a Sony resolveu adiar o lançamento do filme de terror de James Gunn. Inicialmente, ele estava previsto para novembro deste ano, mas, agora, o projeto terá sua estreia oficial em 24 de maio de 2019. O longa também teve seu título oficializado como “Brightburn”.

Não há mais detalhes revelados sobre o projeto. Havia especulações de que seria uma adaptação do mangá “Bersek”, de Kentaro Miura, ou do jogo “Bloodborne”.

Gunn falaria sobre o filme em um painel na San Diego Comic-Com deste ano, mas sua participação foi cancelada após tuítes antigos sobre pedofilia e estupro que também levaram à sua demissão da direção de “Guardiões da Galáxia 3”.