Os piores vilões do Natal no cinema

Redação Publicado em 24/12/2017, às 09h47

Violões de Natal
Reprodução

Hans Gruber, Duro de Matar

Duro de Matar não é um filme natalino, assim como o objetivo de Hans Gruber (Alan Rickman) não era destruir, roubar ou impedir a data. Mas o personagem se tornou um vilão ligado ao feriado, pois foi em uma festa de Natal que ele tentou roubar US$ 640 milhões enquanto se passava por um terrorista internacional. Para a infelicidade dele, John McClane (Bruce Willis) havia sido convidado para a celebração. Quem aí faz maratona dos Duro de Matar no Natal?


Marv e Harry, Esqueceram de Mim

Daniel Stern e Joe Pesci interpretaram a dupla de vilões atrapalhados Marv e Harry em Esqueceram de Mim. O filme estrelado por Macaulay Culkin e rendeu a expressiva bilheteria de US$ 533 milhões. O longa-metragem (assim como as continuações da franquia) são títulos certos na programação televisiva de fim do ano. Uma curiosidade: ao longo dos anos foram feitas várias análises sérias a respeito das chances de sobrevivência dos personagens após encarar tudo que eles encaram. Spoiler: os "Bandidos Molhados" não teriam chegado vivos ao final.


Gin, Papai Noel às Avessas

O filme mostra a tentativa de Willie (Billy Bob Thornton) e Marcus (Tony Cox), dois vigaristas, de roubar uma loja de departamento durante o Natal. Willie, o protagonista do longa, vive uma série de conflitos ao longo do enredo, Marcus, porém, segue como um bandido oportunista, ameaçando, inclusive, o ex-parceiro.


Grinch, Como o Grinch Roubou o Natal

Qualquer obra que contenha o personagem de Dr. Seuss é uma manifestação daquele que talvez seja o maior vilão do Natal. O Grinch ocupa esse posto porque tem na alegria das pessoas com a data o seu maior inimigo. Os planos do Grinch para roubar o Natal fizeram parte de diversas produções desde a década de 1950, e o vilão segue querido por todos.


Oogie Boogie, O Estranho Mundo de Jack

Oogie Boogie talvez seja um dos mais assustadores vilões de Tim Burton, um especialista no tema. Ele certamente aterrorizaria todos os personagens desta lista. Agindo sempre de forma cruel, Mr. Oogie Boogie canta em O Estranho Mundo de Jack uma música sobre o quão horrível é a tortura praticada no pobre Papai Noel.


Stripe, Gremlins

Basta Stripe dizer “Yum, yum” para aterrorizar. É um vilão nato e capaz de transformar a cidade em um caos.


Frank Cross, Os Fantasmas Contra Atacam

Interpretado por Bill Murray, Frank Cross é uma versão atualizada de Scrooge (clássico personagem de Charles Dickens). Dono de uma rede televisiva, Cross age de forma egoísta, se esforçando muito para estragar o Natal de todos os empregados.


Henry F. Potter, A Felicidade não se Compra

Potter é uma versão piorada de Scrooge. Ganancioso, a única coisa que importa para o vilão é o dinheiro. O personagem aparece em um dos maiores clássicos natalinos, sendo a contraposição materializada dos sentimentos celebrados na data.


Ebenezer Scrooge, personagem de Charles Dickens

Ebenezer Scrooge foi criado por Charles Dickens para a obra Um Conto de Natal, publicada em 1843. Em mais de 150 anos de existência, o agiota que detesta o Natal se transformou em uma instituição, servindo de inspiração para muitos outros personagens. Em 2009, Jim Carrey interpretou o vilão em Os Fantasmas de Scrooge.


Scut Farkus, Uma História de Natal

O valentão do bairro Scut Farkus inferniza a vida de todos, sobretudo a de Ralphie (Peter Billingsley), que sequer consegue o presente que quer de Natal.