Rock in Rio 2017: Jota Quest fez show para dançar, mas com apelo ambiental e "fora, Temer"

Em um breve momento político, o vocalista apareceu no palco envolto pela bandeira do Amazônia Live, projeto socioambiental do Rock in Rio
  • Imprimir
por Anna Mota, do Rio de Janeiro
22 de Set. de 2017 às 20:51

Abrindo o Palco Mundo nesta sexta, 22, o Jota Quest não se satisfez apenas com os próprios hits, e após começar o show com "Na Moral" já embalou uma cover dançante de "Tempos Modernos", de Lulu Santos, que não precisou nem da voz de Rogério Flausino para ecoar o coro do público.

Em um breve momento político, o vocalista apareceu no palco envolto pela bandeira do Amazônia Live, projeto socioambiental do Rock in Rio. O ato foi recebido com um "fora, Temer" da plateia, que, em seguida, se juntou ao cantor na motivacional "Dias Melhores". A série de hits foi rapidamente quebrada pelo novo single "Pra Quando Você Se Lembrar de Mim", mas os sucessos logo voltaram com "Mandou Bem". "Lançamos essa música há 4 anos, nesse mesmo palco", relembrou Flausino.

Rock in Rio 2017: jogos, brinquedos, comidas e performances — um guia para explorar a Cidade do Rock além dos palcos principais

O repertório ainda passou por "De Volta Ao Planeta", "Só Hoje", "Fácil" e pela já esperada cover de "Além do Horizonte", de Roberto Carlos. A banda mais pop do cenário do rock brasileiro entregou um show sem surpresas, mas que colocou todo mundo para dançar e cantar.

Acompanhe a cobertura do Rock in Rio pelas nossas redes sociais: estamos no Twitter (@rollingstonebr), Facebook (/rollingstonebrasil) e no Instagram (@rollingstonebrasil), com fotos e stories dos melhores momentos dos shows.

Recomendadas