Taylor Swift disponibiliza discografia completa nos serviços de streaming

A cantora havia retirado o catálogo das plataformas em 2014, antes do lançamento de 1989
  • Imprimir
por Rolling Stone EUA
9 de Junho de 2017 às 11:53

O catálogo completo de Taylor Swift voltou aos serviços de streaming nesta sexta, 9. O anúncio foi feito pela gerência da cantora através das redes sociais da Taylor Nation. Ainda não se sabe se as canções estarão nas plataformas permanentemente ou apenas por um tempo determinado.

Também não está claro o que motivou Taylor a decidir disponibilizar o catálogo dela nos serviços de streaming, apesar de a Taylor Nation ter escrito que a escolha coincide com a recente certificação de Taylor pela RIAA.

“Em celebração a 1989 ter vendido mais de dez milhões de cópias ao redor do mundo e a certificação pela RIAA de 100 milhões de músicas, Taylor quer agradecer seus fãs tornando seu catálogo completo disponível em todos os serviços de streaming hoje à meia-noite”, a Taylor Nation publicou no Twitter. A liberação coincide com o lançamento do disco de Katy Perry, Witness, que também aconteceu à meia-noite.

Taylor havia retirado o catálogo das plataformas de streaming em 2014. Chamando as plataformas de um “grande experimento”, ela se mostrou apreensiva sobre os novos papéis que o streaming estava assumindo e como os artistas seriam pagos.

“Eu não estou disposta a contribuir com o trabalho de uma vida inteira para um experimento que eu não acho que compense de maneira justa os compositores, produtores, artistas e criadores dessas músicas. E eu não concordo com a perpetuação da noção de que música não possui valor e deve ser gratuita”, Taylor disse em uma entrevista na época.

Em 2015, ela disponibilizou 1989 na Apple Music após a Apple alterar a política de pagamento dos royalties de artistas e músicos, apesar de Taylor não ter firmado um acordo de exclusividade com a empresa. “Esta é simplesmente a primeira vez em que me pareceu certo fazer o streaming do meu álbum. Obrigada, Apple, por mudar de ideia”, Taylor disse.

Recomendadas