Vencedor do Oscar com O Senhor dos Anéis, diretor de arte Andrew Lesnie morre aos 59 anos

Australiano também participou de Planeta dos Macacos: A Origem, King Kong e outros
  • Imprimir
Andrew Lesnie
Doug Mills/AP
por Redação
28 de Abril de 2015 às 10:43

Morreu nessa segunda-feira, 27, vítima de um ataque cardíaco, aos 59 anos, o australiano Andrew Lesnie, diretor de fotografia de filmes grandiosos da história recente do cinema como O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel, com o qual ganhou um Oscar, em 2002.

Um Anel para a música governar: canções inspiradas na obra de J. R. R. Tolkien.

Lesnie ingressou cedo no ramo e em 1984 trabalhou no primeiro longa-metragem, Fantasy Man. Fez parte das equipes de Babe - O Porquinho Atrapalhado e Babe - O Porquinho Atrapalhado na Cidade na década de 1990 e a partir de 2001, ingressou na trilogia de O Senhor dos Anéis com o diretor Peter Jackson.

Chef britânico Jamie Oliver recusou papel de hobbit em O Senhor dos Anéis.

Ainda foi diretor de arte de King Kong, de Eu Sou a Lenda , de Planeta dos Macacos: A Origem e da trilogia de O Hobbit.

A última obra de Lesnie foi o recém-lançado Promessas de Guerra, dirigido e estrelado pelo também australiano Russel Crowe. O Melhor Ator de 2011 por Gladiador prestou condolências através do Twitter.


“Notícias devastantes de casa. O mestre da luz e gênio Andrew Lesnie morreu”.

Recomendadas