Além do indie: dez gêneros musicais que estarão no Lollapalooza

Redação Publicado em 26/03/2013, às 16h55 - Atualizado às 20h04

Ritmos do Lolla: abre
AP

Stoner rock

Apesar de não terem efetivamente criado o gênero, o Queens of the Stone Age é, sem dúvida, o principal expoente do stoner rock. Josh Homme e seus colegas vão justificar isso no sábado, 30, às 18h45.


Rap

Um dos maiores rappers da atualidade, o nova-iorquino Nas vai levar ao Lollapalooza no sábado, 30, sua coleção de rimas. No mesmo dia, o paulistano Criolo também mostrará alguns de seus versos. No domingo, 31, é a vez de Marcelo D2 e BNegão se apresentarem com o Planet Hemp.


Synthpop

Bandas recheadas de sintetizadores e mergulhadas na música eletrônica atacam logo na sexta, 29, quando se apresentam no Lollapalooza Passion Pit e Crystal Castles. No domingo, 31, é dia do Hot Chip colocar os fãs para dançar.


Grunge

Alguns dos grandes hits da história do gênero devem passar pelo Lollapalooza no domingo, 31, quando o Pearl Jam é a principal atração no Jockey Club. “Alive”, “Even Flow” e “Black” são aguardadas com ansiedade pelos fãs da banda de Seattle.


Chillwave

O clima tranquilo do chillwave estará muito bem representado no Lollapalooza. Isto porque um dos criadores do gênero, o norte-americano Chaz Bundick (Toro y Moi), apresenta no sábado, 30, as suas canções.


Frevo

Não pense que a música folclórica brasileira não estará representada no Lollapalooza. Os pernambucanos do Eddie estão acostumados a exibir a influência do gênero, agora considerado patrimônio cultural da humanidade, e dividem o palco com o conterrâneo Lirinha.


Blues rock

Tons sulistas norte-americanos vão estar bastante presentes no Lollapalooza Brasil. Do gospel do Alabama Shakes à guitarra de Gary Clark Jr, a tradição ganha tons mais dançantes com o Black Keys, um dos headliners do sábado, 30.


Electro house

A música eletrônica ganhou destaque nesta edição do Lollapalooza e grandes nomes do house, como Madeon, Kaskade, Steve Aoki e Deadmau5, devem espalhar uma boa variedade de sons pelos três dias de festival.


Folk

O lado mais fofo do folk estará representado tanto em versão alternativa islandesa, com o Of Monters and Men, como também com representantes brasileiros, entre eles Vanguart e Agridoce - este último fazendo uma de suas últimas apresentações, antes do retorno de Pitty a seu trabalho com banda.


Dubstep

Se no ano passado Skrillex, a grande estrela do dubstep, esteve no Lollapalooza. Neste ano, outros representantes do gênero se apresentam no festival. Rusko, Porter Robinson e Knife Party vão distribuir ruídos dançantes pela pista de dança durante o evento.