Rolling Stone Festival: Titãs, Paulo Ricardo, Supla e outras atrações te convidam para o festival

Redação Publicado em 29/11/2016, às 14h45 - Atualizado às 17h58

Abre vídeos bandas Festival
Divulgação

Já comprou seu ingresso para o Rolling Stone Festival?? O @titasoficial? tem um recado para você!

A video posted by Revista Rolling Stone Brasil (@rollingstonebrasil) on

Titãs



21-22H30 no PALCO DEVASSA PURO MALTE



“Nossa intenção é fazer todo mundo sair do show suado, rouco e satisfeito”, define o guitarrista Tony Bellotto. O show da banda no festival será uma oportunidade de mostrar ao público a nova formação, com Beto Lee na guitarra e Mario Fabre na bateria, que “adicionaram decibéis e musculatura roqueira aos épicos titânicos”, conforme diz o músico, que está bem satisfeito de realizar essa apresentação para os fãs em um evento da Rolling Stone Brasil. “Fazer parte de um evento da revista é sempre uma glória para qualquer roqueiro do planeta Terra”, ele crava. “A Rolling Stone foi desde o início o veículo máximo de expressão do rock e da contracultura, que transformaram o mundo desde então”.



O tom da performance já está mais ou menos planejado, sintetizando o melhor da banda que redimensiona o rock brasileiro contemporâneo. “Apresentaremos músicas de todas as fases de nossa carreira de 34 anos, mesclando sucessos, algumas canções do disco Nheengatu (2014), músicas que não tocávamos há tempos, como ‘Será Que É Isso Que Eu Necessito’ e ‘Nem Sempre Se Pode Ser Deus’, além de nossa versão titânica de ‘Pro Dia Nascer Feliz’, do Barão Vermelho”.



"A pedra lançada por Muddy Waters continua rolando e nós estaremos lá, empurrando-a para frente”, finaliza Bellotto, se referindo à canção “Rollin’ Stone”, que inspirou o nome da publicação.


A contagem regressiva para o #RollingStoneFestival já começou! O @pauloricardo tem um recado pra você.

A video posted by Revista Rolling Stone Brasil (@rollingstonebrasil) on

Paulo Ricardo



16H30-17H30 no PALCO DEVASSA SENTE O CLIMA



Com três décadas de trajetória artística, o músico carioca nascido no bairro da Urca é dono de nove álbuns de estúdio solo, além dos trabalhos ao vivo e à frente do RPM. Destaque do pop rock oitentista como frontman da lendária banda (sim, deve ter “Olhar 43” no setlist do evento, além de outros sucessos), ele lançou este ano Novo Álbum, disco que contém a música de trabalho mais recente, “Novo Single”.



Além disso, Paulo Ricardo está empenhado na função de mentor de artistas novatos no reality show de competição musical da TV Globo SuperStar, do qual ele é jurado. No line-up do Rolling Stone Festival, o músico estará acompanhado de quatro bandas egressas do programa: Scalene, Plutão Já Foi Planeta, Bellamore e Playmobille.


Já comprou seu ingresso para o #RollingStoneFestival? O @suplaoriginal tem um recado para você!

A video posted by Revista Rolling Stone Brasil (@rollingstonebrasil) on

Supla



14H-15H no PALCO DEVASSA PURO MALTE



Sem medo de arriscar e com sua famosa atitude rock n’ roll, o grande Charada brasileiro pisa no palco do Rolling Stone Festival para mexer com a mente do público. Supla vem com ânimo redobrado para celebrar um aniversário bastante marcante: em 2016 ele completa 30 anos de carreira.



Depois de tanto tempo na estrada, o artista, que ainda mantém o duo Brothers of Brazil ao lado do irmão, João Suplicy, tirou o ano para fazer turnê comemorando essa data e revisitando sucessos. Além disso, se prepara para lançar o décimo quarto álbum, Diga o Que Você Pensa, cujas faixas devem dar as caras no show.


Falta só uma semana para o #RollingStoneFestival. A banda @playmobille tem um recado especial para vocês!

A video posted by Revista Rolling Stone Brasil (@rollingstonebrasil) on

Playmobille



14H20-15H no PALCO DEVASSA SENTE O CLIMA



Criada no final de 2005, o Playmobille começou fazendo pequenos shows pela Barra da Tijuca, bairro do Rio de Janeiro. O primeiro álbum cheio, Devaneios e Fosforilações, veio em 2008, após duas demos, No Stress e Amante Mutante.



Hoje, 11 anos mais tarde e com mais experiência, Gugu Peixoto, Bruno Dantas, Daniel Rodrigues, Gabriel Mello e Kadu Marins alongaram bastante o currículo. Além da citada passagem pelo SuperStar, o quinteto carioca teve algumas canções inclusas em trilhas sonoras de novelas, como foram os casos da regravação de “Jorge Maravilha” (Chico Buarque), feita para Malhação ID, da balada “A Próxima Vez”, que apareceu em Viver a Vida, e de “A Dança”, que tocou em Sete Vidas.


Faltam só quatro dias para o #RollingStoneFestival! Quem aí está ansioso? O @republicarock tem um recado para vocês.

A video posted by Revista Rolling Stone Brasil (@rollingstonebrasil) on

Republica



21H-22H no PALCO DEVASSA SENTE O CLIMA



Na estrada há mais de 20 anos, o Republica já participou dos maiores festivais de música do mundo e trabalhou ou tocou ao lado de diversos ícones da música brasileira e internacional. O quinteto já lançou três discos: um autointitulado, de 1996, There’s No Fucking Electronic Modern Loop (2008) e Point of No Return (2013).



Depois de um período em Los Angeles, no estúdio do lendário produtor Matt Wallace, conhecido como “o sexto integrante do Faith no More” (e que também já produziu R.E.M. e Maroon 5, entre outros), a banda formada por Leo Belling, Luiz Fernando Vieira, Jorge Marinhas, Marco Vieira e Mike Maeda está prestes a acrescentar mais um álbum de estúdio à discografia. O trabalho se chamará Brutal and Beautiful e está quase pronto. O primeiro show dele acontecerá especialmente no festival, com direito a pelo menos sete faixas novas sendo mostradas em primeira mão ao público.