Depois de polêmica, marca resolve fazer roupas em tamanhos maiores

Abercrombie & Fitch volta atrás após depois de declaração ultrajante

Redação Publicado em 08/11/2013, às 15h50 - Atualizado às 16h13

Abercrombie
Reprodução

A Abercrombie & Fitch, que causou comoção ao dizer que só produzia tamanhos pequenos de roupas para que apenas gente magra consumisse a marca, resolveu voltar atrás após a polêmica gerada por essa declaração. O CEO da empresa, Mike Jeffries, havia declarado que a grife era apenas para pessoas “cool e bonitas” – o que causou uma compreensível revolta. As informações são da Reuters.

De acordo com a agência, a marca vai expandir as possibilidades de tamanhos disponíveis nas coleções femininas a partir da primavera (do hemisfério norte) de 2014.

Depois da polêmica declaração de Jeffries, vários boicotes foram incentivados, protestos foram feitos (vide foto e o vídeo abaixo) e a empresa viu as vendas despencarem – isso sem falar no valor das ações, que caíram 30%. A marca já gerava alguma controvérsia antes disso por apenas empregar em suas lojas vendedores bonitos e em forma.