Dez filmes inspirados em canções

Redação Publicado em 02/05/2013, às 17h55 - Atualizado às 18h02

Galeria músicas que viram filmes - abre
Reprodução/vídeo

“Faroeste Caboclo” - Legião Urbana - O filme que estreia no próximo dia 30 leva para as telas a saga de João do Santo Cristo (interpretado por Fabrício Boliveira), escrita por Renato Russo em um dos maiores sucessos de sua banda. Ísis Valverde também está no elenco e a direção é de René Sampaio.
"Ode to Billie Joe” - Bobbie Gentry - O longa de 1976 A Ponte do Desejo foi roteirizado por Herman Raucher e produzido e dirigido por Max Baer, Jr., mais conhecido por ter atuado na série A Família Buscapé. Raucher se encontrou com Gentry para saber qual a razão do suicídio narrado na letra, já que na canção isso não é explicado. Gentry explicou que ela nunca tinha pensado em um motivo.
”Yellow Submarine” - Beatles - Submarino Amarelo, de 1968, é uma animação com direção de George Dunning e apenas uma das muitas canções dos Fab Four que virou um filme ou, pelo menos, uma versão bem longa de um clipe e ajudou a promover as músicas do grupo.
“Take This Job and Shove It” – composta por David Allan Coe e cantada por Johnny Paycheck - O filme de 1981 inspirado na canção country tem no elenco Robert Hays, Barbara Hershey, Art Carney e David Keith, além de participações dos próprios Coe e Paycheck.
“Copacabana” - Barry Manilow - O hit de Manilow contava uma historinha bem desenhada, com começo meio e fim, e não demorou para que alguém a levasse para as telas, na forma de um musical feito para a TV. A trama também ganhou os palcos e um show de boate.
“Olhos nos Olhos” - Chico Buarque - O recém-lançado O Abismo Prateado usa as primeiras estrofes da canção para criar a personagem Violeta (Alessandra Negrini). Veja entrevistas com a atriz e o diretor Karim Aïnouz aqui.
“Harper Valley PTA” - Tom T. Hall - Mais uma canção country adaptada para o cinema. A música interpretada por Jeannie C. Riley inspirou a criação de uma personagem que é uma mãe liberal demais para a cidade do interior onde mora. A música é de 1968, mas dez anos depois Barbara Eden encarnou a mulher em questão, batizada de Stella Johnson (que depois ganhou uma série).
“Convoy” - C.W. McCall e Chip Davis - O longa de 1978 tirou sua música e sua trama da canção de mesmo nome e seguiu outros filmes de sucesso que embarcaram na moda dos caminhões. Kris Kristofferson, Ali MacGraw, Ernest Borgnine e Burt Young estão no elenco e a direção é de Sam Peckinpah (Meu Ódio Será Sua Herança). Em português a produção se chama Comboio.
“Jolene” - Dolly Parton - Uma das canções mais famosas do repertório de Dolly Parton (recentemente reinterpretada pelo White Stripes, mas que ganhou diversos covers ao longo dos ano) também virou filme com Jessica Chastain. Na realidade, a música inspirou o conto Jolene: A Life, que por sua vez é serviu de base para o longa de 2008.
“Menino da Porteira” - Teddy Vieira - A lendária música deu nome a um longa em 1976 que, em 2009, ganhou um remake pelas mãos do mesmo diretor, Jeremias Moreira Filho. Na versão antiga, tínhamos Sérgio Reis. Na nova (vide trailer), Daniel é quem faz o peão de boiadeiro Diogo.