Dez hits que foram rejeitados e fizeram sucesso com outro artista

Redação Publicado em 05/03/2013, às 15h12 - Atualizado às 15h56

Galeria deixou passar: abre
AP

O primeiro single de Britney Spears alçou a cantora para um estrelato absoluto, mas “...Baby One More Time” foi antes oferecida ao grupo TLC, que recusou a canção por considerá-la imatura demais. Perfeito para Britney, que emplacou perfeitamente o tipo garota “não-tão-ingênua”.
Os compositores Paul Jabara e Paul Shaffer sabiam que tinham na mão um hit. E por isso ofereceram “It’s Raining Men” para cantoras de sucesso como Diana Ross, Donna Summer, Cher e Barbra Streisand. Mas foi o duo Weather Girls que gravou, e assim emplacou o maior sucesso da carreira.
O duo de produtores The Neptunes tinha o trunfo “Rock Your Body” preparado para emplacar na voz de Michael Jackson no disco Invincible, de 2001, mas a canção acabou sendo gravada no primeiro disco solo de Justin Timberlake, Justified, dois anos mais tarde.
Lady Gaga escreveu “Telephone” para o disco Circus, lançado por Britney Spears em 2008. Gaga não conseguiu vender a música, mas guardou a faixa e gravou ao lado de Beyoncé dois anos mais tarde, com um clipe cinematográfico.
A canção “We Found Love”, de Calvin Harris, fez sucesso na voz de Rihanna em 2011. No fim do ano passado, Leona Lewis declarou que não gravou a canção porque queria um single diferente para o seu disco, e mais recentemente, Nicole Scherzinger afirmou que também perdeu a oportunidade de gravar o hit.
“Foi muito deprimente”, falou certa vez Lupe Fiasco sobre a música “Nothin’ On You”. O músico admitiu ter pensado em suicídio depois que foi pressionado pela gravadora a não lançar a faixa que chegou até mesmo a gravar (a versão pode ser encontrada na internet). Bom para B.o.B., que emplacou um superhit, e melhor ainda para Bruno Mars, que entrou com tudo no cenário musical em 2009.
Pusha T revelou publicamente que deixou passar as batidas de “Niggas in Paris”, do produtor Hit-Boy. Ele ainda humildemente reconheceu que não conseguiria fazer trabalho melhor do que fizeram Kanye West e Jay-Z ao gravar a faixa para o disco Watch the Throne. A dupla inclusive com o hit venceu os prêmios Grammy de Melhor Canção de Rap e Melhor Performance de Rap.
Com base em “I Got a Woman”, de Ray Charles, Kanye West pela primeira vez concebeu ”Gold Digger” para ser gravado pela cantora Shawnna, mas por algum motivo a parceria não aconteceu. Kanye então convidou Jamie Foxx, que havia interpretado o músico na cinebiografia Ray, para cantar os versos em seu disco Late Registration, de 2005.
Mais uma canção que para a sorte de Britney Spears foi originalmente rejeitada. “Não fiquei brava porque funcionou para ela. É como um peixe que vai embora. Você só tem que aceitar”, disse Kylie Minogue, que deixou passar “Toxic”.
Donna Summer passou tempos com a faixa “What’s Love Got to Do with It?” e nunca chegou a gravar. O grupo britânico Bucks Fizz chegou até a gravar uma demo, mas nunca lançou. E a canção acabou ficando mesmo famosa na voz de Tina Turner.