Robert Plant: vídeos marcantes

Redação Publicado em 20/08/2012, às 17h35 - Atualizado às 17h37

Robert Plant
AP

Em 1968 o mundo ganhava uma banda que seria um dos símbolos do rock and roll, o Led Zeppelin. Nesta apresentação ao vivo no Danish TV Show , em 1969, o grupo de Robert Plant, Jimmy Page, John Paul Jones e John Bonham pode ser visto em seus primeiros anos de existência se apresentando em um pequeno palco, e rodeado por uma plateia enxuta. No vídeo, eles tocam quatro músicas, entre elas a energética “Communication Breakdown” e “Dazed And Confused”, ambas do primeiro e homônimo álbum da banda, lançado no mesmo ano.
Já no auge da carreira e considerada uma das maiores bandas da década de 70, o Led Zeppelin apresenta uma de suas músicas mais famosas, “Black Dog”, primeira faixa do álbum Led Zeppelin IV (1971), o mais vendido da história do grupo e um dos discos mais vendidos de toda a história. No vídeo é possível ver Robert Plant (que na época era tido como símbolo sexual) em uma de suas melhores performances ao vivo, não economizando nas notas altas e comandando a plateia com maestria.
Considerada uma das mais belas canções de rock and roll de todos os tempos, “Starway to Heaven” faz parte do álbum clássico Led Zeppelin IV, de 1971. O vídeo exibe a banda tocando uma versão hipnótica de mais dez minutos da canção no Earls Court em Londres, em 25 de maio de 1975, registrada no DVD duplo Led Zeppelin, lançado em 2003.
Em 1994, Robert Plant recrutou o antigo amigo Jimmy Page para gravarem um show ao vivo para a MTV norte-americana, intitulado No Quarter (que também é o nome de uma música do Led Zeppelin). O álbum tem releituras de músicas da banda, além de que quatro canções influencidas pelo Oriente Médio. No vídeo você vê os dois acompanhados pela Orquestra Metropolitana de Londres.
Em 1994, Robert Plant e Jimmy Page vieram pela primeira vez ao Brasil para se apresentar no finado festival Hollywood Rock, em São Paulo e Rio de Janeiro. A turnê era do álbum No Quarter, que tinha releituras de músicas do Led Zeppelin. Eles também tocaram clássicos que não estão no disco, como “Rock and Roll”, que pode ser vista ao lado. A reação dos brasileiros foi completamente eufórica.
No dia 10 de dezembro de 2007, Robert Plant, Jimmy Page e John Paul Jones se reuniram em Londres para uma única apresentação, com Jason Bonham, filho de John Bonham, na bateria. O show foi realizado em homenagem a Ahmet Ertegün, fundador da Atlantic Records, morto no ano anterior. No show, estiveram clássicos como “Rock and Roll” e “Ramble On”. Embora tenha sido muito criticado pelos fãs, que alegaram que a banda não estava a altura do que já foi um dia, Page e John queriam manter a reunião, mas Page permanece até hoje contra a ideia.
Em 2007, Plant uniu forças com a cantora Alison Krauss e juntos eles lançaram o elogiado álbum Raising Sand. O disco os levou até o 51º Grammy Awards, em 2009, no qual venceram as cinco categorias em que estavam indicados, incluindo o prêmio de melhor gravação do ano com a faixa “Please Read the Letter”, melhor colaboração country com vocais em “Killing The Blues” e melhor disco folk norte-americano. No clipe oficial de “Gone Gone Gone” é perceptível a sintonia musical dos dois.
Em 1967, antes de ingressar no Led Zeppelin, Plant participou de uma outra banda com o amigo John Bonhan, chamada Band of Joy. Na época o projeto foi posto de lado com a entrada dos dois no Led Zeppelin. Mas em 2010 Plant resolveu homenagear seu antigo grupo revivendo-o com uma tunrê e o álbum de Band of Joy. O disco também rendeu a gravação do DVD Robert Plant & Band of Joy: Live From the Artists Den, lançado em julho de 2012.