Maison Martin Margiela fala sobre a parceria com Kanye West para a turnê de Yeezus

Rapper adaptou peças icônicas da grife para os novos shows

Redação Publicado em 06/11/2013, às 13h16 - Atualizado às 13h24

Kanye West
Todd Williamson/ AP

Kanye West frequentemente usa suas letras para falar de moda e é rosto frequente em eventos relacionados ao mundo fashion. Em sua nova turnê, do disco Yeezus, o rapper estabeleceu uma concreta parceria com a Maison Martin Margiela para o desenho do figurino de shows.

As dez maiores brigas da história do rap.

A grife viu uma boa oportunidade de experimentar em novas áreas e não se importou com a fama de falastrão do astro. “Nós não prestamos atenção no que está sendo dito, no que sai sobre ele na imprensa, só focamos no que pode ser feito”, disse um porta-voz da empresa à revista Vogue. “Há muito tempo queremos trabalhar com Kanye West, desde que ele se tornou um bom amigo da Maison, nos apoiando e estando em nossos eventos. Gostamos da música dele e da visão que tinha para a turnê.”

“Primeiro nós visitamos os arquivos da Maison, para encontrar peças icônicas para serem reinterpretadas. Então tivemos alguns figurinos, algumas ideias sobre como adaptar o vestuário, os tecidos, as texturas, cores e detalhes para transformar em um guarda-roupa de palco. Fazer as peças em nosso atelier parisiense nos permitiu criar peças sem limites.”

Relembre dez grandes shows da história do Grammy. Entre eles, uma performance de Kanye West e Jamie Foxx.

Na estreia da turnê, em Seattle, Kanye deixou claro uma das referências escolhidas – as máscaras que são utilizadas pela Maison em eventos de moda foi adaptada para ele, que vestiu quatro modelos diferentes durante as pouco mais de duas horas de show. O problema agora é que, embora diversas datas já tenham sido marcadas, o rapper sofre com problemas de logística e já teve que adiar shows em diversas cidades dos Estados Unidos e do Canadá.