Pulse

Ator de Seinfeld diz que personagem da série foi morta porque atriz era “impossível”

Heidi Swedberg interpretava Susan, a noiva de George Costanza, no programa de sucesso da TV norte-americana

Redação Publicado em 04/06/2015, às 12h48 - Atualizado em 03/09/2015, às 15h27

Personagens Susan e George em capítulo da série
Reprodução

Os fãs de Seinfeld se lembrarão bem do episódio: George Constanza, um dos quatro protagonistas da série, interpretado por Jason Alexander, está prestes a se casar, quando a noiva dele, Susan, morre ao lamber a cola tóxica de um dos convites de casamento de segunda mão, sugeridos por George por serem mais baratos.

Documentário retrata a história curiosa do famoso restaurante cuja fachada foi usada em Seinfeld.

Muitos anos depois do final do programa, encerrado em 1998, Alexander revelou no programa de rádio Howard Stern Show que Susan não foi “apagada” repentinamente por acaso e sim por culpa da própria atriz que a interpretava, Heidi Swedberg.

Dez episódios de Seinfeld que você ama, mas tinha esquecido.

“Eu não conseguia descobrir como lidar com ela. Os instintos dela para fazer a cena, onde a comédia estava, e os meus instintos estavam sempre em desacordo. Ela fazia alguma coisa, eu me ajustava e então ela mudava de novo”, revelou o ator.

Dez curiosidades sobre Jerry Seinfeld, um dos criadores da “série sobre o nada”.

Alexander disse não ter ficado feliz quando descobriu que os dois personagens se casariam e só respirou tranquilo quando Jerry Seinfeld (Jerry) e Julia Louis-Dreyfus (Elaine), outros dois protagonistas - o quarto é Kramer, vivido pelo ator Michael Richards -, sentiram o drama na pele ao contracenar com Swedberg.

“Eles falaram, ‘Quer Saber? Essa merda é impossível’. E Julia disse, ‘Você não quer simplesmente matá-la? Larry - [David, cocriador da série, junto com Jerry Seinfeld] foi e bum!”.

Depois de ter sido bruscamente retirada de Seinfeld, Heidi Swedberg participou de séries como Plantão Médico, Gilmore Girls e Bones.