John Lydon revela que não consegue “chegar perto” de bisteca suína

Ex-vocalista do Sex Pistols comeu um pedaço da carne antes de ser hospitalizado por um ano quando era criança

Redação Publicado em 19/10/2015, às 19h46 - Atualizado às 19h59

John Lydon – também conhecido como Johnny Rotten –, ex-vocalista do Sex Pistols

Ver Galeria
(4 imagens)

Ex-vocalista do Sex Pistols e um dos maiores ícones do movimento punk, John Lydon revelou que não suporta sequer olhar para um pedaço de bisteca suína. “Não consigo chegar perto de uma bisteca de porco”, disse ele, em entrevista recente ao The Observer.

Edição 69 – Cara a Cara com o Sex Pistols.

Lydon – também conhecido por usar, nos anos 1970, o nome Johnny Rotten – revelou que a “fobia” da carne acontece por um trauma de infância. Ele ficou seriamente doente e foi internado em um hospital logo depois de ter feito uma refeição na qual um dos elementos era justamente carne de porco.

“Peguei meningite aos sete anos”, disse ele na entrevista ao Observer. “Fiquei em coma por três meses e fiquei [no hospital] por cerca de um ano”. Ele acrescentou: “Comi bisteca suína na noite anterior a qual fui hospitalizado e tenho associado a doença à comida até hoje.”

“É impossível ser mais sincero do que Johnny Thunders com uma guitarra”, diz diretor de doc sobre ex-New York Dolls.

John Lydon, contudo, não estende o trauma da bisteca para todas as partes comestíveis do porco – pelo menos não ao bacon. “Nada me deixará longe do meu bacon defumado”, disse também o músico à publicação.