Macaco que Justin Bieber abandonou na Alemanha ganha um lar em parque para animais selvagens

O cantor deixou o bicho de estimação no país europeu por não ter a documentação necessária para viajar de avião com ele – e nunca voltou para buscá-lo

Redação Publicado em 31/05/2013, às 14h22 - Atualizado às 14h26

Macaco - Justin Bieber
AP

O macaco-prego que já foi um bicho de estimação de Justin Bieber ganhou um novo lar, na Alemanha. Ele foi levado a um parque de animais selvagens do país depois que o cantor canadense não voltou para buscá-lo no país europeu. Bieber foi proibido de embarcar com o macaquinho Mally por não ter os certificados de proteção da espécie e de condições de saúde exigidos por lei.

Mally tinha 23 semanas quando foi confiscado, em março, pelas autoridades do aeroporto de Munique. Ele acabou se tornando propriedade nacional alemã e foi levado a um abrigo de animais. Agora, foi transferido para o Parque Serengeti, em Hodenhagen, norte da Alemanha. O macaco ficará em quarentena no local por mais algumas semanas e depois ganhará um lar permanente ao lado de “parentes” (outros macacos prego-de-cara-branca, como ele).

De acordo com a agência Reuters, a nova casa de Mally oferecerá a ele uma ilha de 40 metros de comprimento e 20 metros de largura e muitas árvores – isso sem falar na privacidade e sossego que descobrirá ao ser apenas mais um macaquinho no meio do mato, e não o pet de Justin Bieber.