Pulse

Conheça 5 músicos que já se aventuraram pelos 42,195km das maratonas

Alanis Morissette, Flea, do Red Hot Chili Peppers, e Dexter Holland, vocalista do Offspring, estão entre eles

Giselli Souza Publicado em 28/10/2014, às 15h54 - Atualizado em 31/10/2014, às 12h12

Flea - Red Hot Chili Peppers
Facebook/Flea

Por Giselli Souza, do blog As Divas que Correm

Esqueça o clichê sexo, drogas e rock and roll e a “maldição dos 27” que levou grandes nomes da música como Janis Joplin, Jimi Hendrix, Kurt Cobain e Amy Winehouse. O vício pela corrida de rua, mais precisamente pela endorfina, já chegou a um reduto antes restrito apenas às festas.

Músicos como Alanis Morissette, o rapper Diddy e até o vocalista do Van Halen, David Lee Roth, estão na lista de corredores que já fizeram a Maratona de Nova York, cuja edição de 2014 acontece neste domingo, 2, e deve reunir cerca de 45 mil pessoas em Manhattan.

Repleta de superlativos (é a mais desejada pelos corredores, a mais difícil de se inscrever e a com maior público), a prova reserva ainda algumas características únicas, como a largada com tiro de canhão, seguida pelo hino norte-americano e a execução da música “New York, New York”, eternizada na voz de Frank Sinatra.

Outros dois roqueiros que já se aventuram pelos 42,195km são Flea, baixista do Red Hot Chili Peppers, e Dexter Holland, vocalista do Offspring. A dupla fez a Maratona de Los Angeles em prol de algo ainda maior do que simplesmente vencer o desafio. Flea correu em 2011 para ajudar uma ONG voltada ao ensino de música para crianças, enquanto Dexter sagrou-se maratonista em 2009, quando realizou a prova em prol da Innocence Project, organização que realiza teste de DNA para exonerar detentos condenados injustamente nos Estados Unidos.

Correr uma maratona, ou melhor, 42,195km, no entanto, não é um desafio fácil. Requer disciplina, treinamento e adaptação da dieta e do corpo à distância. Por outro lado, o prazer proporcionado pela endorfina e, principalmente, a sensação de dever cumprido, após a chegada, tornam a distância perfeita para quem gosta de desafios ousados e que requerem preparo.

A corrida é um dos esportes que mais ajudam na liberação de endorfina, hormônio ligado à sensação de prazer e considerado viciante como uma “droga”. A sensação de bem-estar e euforia é conhecida como “barato de corredor”, tamanha é a descarga cerebral pós-treino.

Ficou a fim de se arriscar pelos 42km? O caminho é longo, mas dá para chegar lá. Neste espaço, traremos informação e notícias sobre o mundo da corrida de rua no Brasil, para te convencer a calçar um par de tênis e sair para a calçada ou parque.