Paul e o Brasil, uma história de amor correspondido

Redação Publicado em 20/12/2010, às 16h20

A vinda de Paul McCartney para o Brasil em novembro foi muito especial para os fãs do ex-beatle e, certamente, marcou o ano de muita gente. Mas não são só os brasileiros alucinados pelos Fab Four que jamais vão se esquecer as apresentações de Macca por aqui.

Em uma entrevista publicada em seu próprio site, Paul foi questionado a respeito do melhor "momento ao vivo" de 2010. Ele respondeu que foi um ano incrível e que teria que selecionar duas ocasiões:

"Eu acho que São Paulo, 65 mil pessoas no primeiro show, foi incrível. Os brasileiros amam sua música, então amamos tocar para eles e foi um show que se destacou. Foi um de nossos melhores shows, foi simplesmente maravilhoso, o público estava enlouquecido e tivemos uma ótima noite. E aí eu acho que você sabe que tem a Casa Branca, menor, mas tão incrível quanto por causa da família Obama e dos convidados que estavam no show, então, tivemos uma ótima noite lá também. Portanto, escolheria esses dois."

Esse evento na Casa Branca a que ele se referiu se trata de uma cerimônia repleta de celebridades em que o presidente norte-americano Barack Obama lhe entregou o prestigioso Prêmio Gershwin de Música Popular da Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos.

Se o público paulistano está rivalizando com a família Obama, será que Paul não gostaria de voltar ao Brasil em 2011 e ter outra "ótima noite" com um "público enlouquecido" também no ano que vem?