Tom DeLonge, ex-Blink 182, fala sobre experiência com extraterrestres

Vocalista e guitarrista deixou a banda recentemente após polêmicas

Redação Publicado em 18/02/2015, às 17h18 - Atualizado às 19h44

Ex-vocalista e guitarrista do Blink 182 durante show em 2009
Steve Ruark/AP

Alvo de um controverso debate público após ter a saída do Blink 182 anunciada pelo baixista Mark Hoppus e pelo baterista Travis Barker, remanescentes da banda, o guitarrista e vocalista Tom DeLonge falou em uma longa entrevista à revista Paper sobre a crença dele em vida fora da Terra e contou a respeito de um encontro com extraterrestres.

Após negar saída do Blink 182, Tom DeLonge comenta acusações dos companheiros de banda; entenda a confusão.

DeLonge diz ter devorado “literalmente 200 livros” que esmiúçam o assunto e garante ser um especialista. Segundo ele, o governo dos Estados Unidos teria grampeado o telefone dele tempos atrás e pessoas o teriam aconselhado a tomar cuidado com o envolvimento no tema para não ser sequestrado ou abduzido.

Entrevista: Travis Barker fala sobre acidente, sua recuperação e planos com o Blink-182.

“Caso alguém te diga para entrar em um carro, não entre de jeito nenhum”, um engenheiro teria lhe avisado após uma discussão sobre experimentos secretos. O ex-Blink 182 revelou ter passado duas noites acampado próximo à Área 51, território mantido sob sigilo pelo exército norte-americano no estado de Nevada. Em uma delas, teria havido a revelação.

Tom DeLonge revela fragmentos de canções inéditas após saída do Blink 182.

“Acendemos uma fogueira e pegamos no sono. Acordei às 3h da manhã e meu corpo parecia estar tomado por energia estática. Abri os olhos, o fogo ainda estava aceso e tinha uma conversa rolando do lado de fora da barraca. Parecia haver umas 20 pessoas falando. Então, eu fechei os olhos e acordei. O fogo estava apagado e três horas se passaram em um piscar de olhos.”

Galeria: as 15 separações mais conturbadas do rock.

Em janeiro deste ano, os demais membros do Blink 182 declararam através de um comunicado que DeLonge estava deixando a banda “por tempo indeterminado” para “trabalhar em projetos fora da música”. Neste período, ele será substituído por Matt Skiba, do Alkaline Trio.

À Rolling Stone EUA, Travis Barker chegou a afirmar que o guitarrista estava sendo “desrespeitoso” e “ingrato” com os amigos. DeLonge respondeu dizendo que nunca saiu da banda.