TV norte-americana: quais séries ficam, quais saem e um pouco do que vem por aí

Veja se seu programa preferido foi cancelado ou se ganhará mais uma temporada

Redação Publicado em 11/05/2013, às 14h34 - Atualizado às 16h33

Community
Reprodução

Por Stella Rodrigues

Essa época de renovações e cancelamentos de séries de TV não é fácil para o coração dos fãs. Ao longo dos últimos dias, a quantidade de notícias a respeito do que continua sendo produzido e o que se despede das telinhas foi suficiente para fazer a cabeça girar. Nem dá tempo de lamentar ou comemorar uma coisa e já aconteceu outra!

A NBC, por exemplo, fez uma limpa em sua grade como há tempos não se via. A ABC encomendou tantas séries novas que a impressão que dá é que sobra programa e falta horário nobre. Aliás, a tendência da temporada parece ser uma ampla renovação da grade, com muitos cancelamentos e novas aquisições. Fora que este foi o ano de se despedir de muitas séries queridas de longa data...

A partir de segunda, 13, acontecem os principais eventos do upfront, temporada comercial do mundo televisivo em que os canais se reúnem com patrocinadores para tentar vender espaço para propaganda no intervalo de suas atrações. Antes disso, os produtores dessas atrações ficam sabendo seu destino. Séries que estavam no ar são canceladas, pilotos que estavam sendo oferecidos descobrem se foram aceitos etc.

Para quem não conseguiu acompanhar a loucura que foram esses últimos anúncios (e que ainda não chegaram ao fim, já que ainda existem programas no limbo), preparamos um resumo do que aconteceu até agora.

Renovação milagrosa - Por anos, os fãs de Community roíam as unhas na expectativa de saber se a série, tão querida, por um lado, mas de audiência tão baixa, por outro, seria renovada. Sempre era um sufoco. Agora que o criador Dan Harmon saiu e a qualidade da trama despencou visivelmente, ninguém esperava que a NBC desse continuidade a ela. Mas foi o que aconteceu. A série foi renovada para mais uma temporada sem seu showrunner original (embora o site Deadline afirme em uma nota suspeita que ele pode ser recontratado). E também sem Chevy Chase, que pediu demissão antes do fim das gravações da quarta temporada, cujo último episódio foi exibido na última quinta, 9, nos Estados Unidos. A nova temporada terá 13 episódios.

O céu – ou inferno – das comédias - A NBC fez uma faxina em sua programação ligada ao humor. Desligou os aparelhos de respiração de Go On (mais uma série de Matthew Perry pós-Friends que não vinga), Up All Night, 1600 Penn, Animal Practice, Guys with Kids, The New Normal e Whitney. Antes disso, o drama Do No Harm foi cancelada após somente dois episódios exibidos. A série musical Smash também chegou ao fim, assim como a “novela” Deception. The Office terá seu episódio final exibido nesta quinta, 16, nos Estados Unidos, e 30 Rock encerrou sua carreira em janeiro.

Por outro lado, foram renovavas Chicago Fire (que ganhará spin-off), a já mencionada Community, Grimm, Law & Order: SVU, Parenthood, Parks and Recreation, Revolution e o reality de competição The Voice.

Shopaholic - A emissora ABC se empolgou nas aquisições e já tem uma dúzia de novas atrações (5 comédias e 7 dramas) garantidas para a próxima temporada. Entre as novidades da ABC está a celebrada Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D, de Joss Whedon, que levará personagens da Marvel para a TV como um grupo seleto de agentes da lei.

Além das novidades, ainda existem as renovações, vamos a elas: Nashville, Grey’s Anatomy, Scandal, Revenge, The Middle, Modern Family, Castle, Suburgatory, Last Man Standing e Once Upon a Time (que ganhará spin-off).

Malibu Country, Body of Proof, How to Live With Your Parents (for the Rest of Your Life), Red Widow e Happy Endings foram canceladas. 666 Park Avenue (oficial), Zero Hour (oficial) e Don't Trust the B---- in Apartment 23 (não oficial) já tinham sido eliminadas da programação. Last Resort e Private Practice já tiveram seus fins exibidos.

Calendário alternativo - Burn Notice, uma série com audiência geralmente consistente do midseason, aquele período quando a maioria das séries está sendo reprisada, estreia seu sétimo ano em junho e, conforme foi anunciado, ele será o último do programa. Southland, da TNT, também foi cancelada.

Previsível - As novidades de renovação e cancelamento da CBS foram bem dentro do esperado, em geral. Ficam: 2 Broke Girls, The Big Bang Theory, Blue Bloods (retorno já anunciado), Criminal Minds, CSI (que, pelo visto, ficará no ar para sempre), Elementary, The Good Wife, Hawaii Five-0, How I Met Your Mother, The Mentalist, Mike & Molly, NCIS, NCIS: Los Angeles, Person of Interest e Two and a Half Men. Survivor e The Amazing Race também retornam.

Saem: Golden Boy, CSI: New York, Rules of Engagement e Vegas. Partners e Made in Jersey já tinham sido cortadas.

Animações eternas - A Fox, que tem dentre suas produções grandes séries animadas, continuará com várias delas: American Dad, a ótima Bob’s Burgers, Os Simpsons e Family Guy.

Dentre as “séries de carne e osso”, The Following, Glee (que já ganhou mais dois anos de uma vez, conforme tinha sido anunciado anteriormente), The Mindy Project, New Girl, Bones (já estava garantida) Raising Hope e o reality The X Factor também garantiram seus lugares na grade.

Não tiveram a mesma sorte The Cleveland Show (que ainda não recebeu um não oficial, mas deve receber), Ben and Kate, The Mob Doctor e Touch, que com seu cancelamento liberou Kiefer Sutherland e ajudou a dar gás ao cada vez mais certo projeto de retomar 24 Horas por 13 episódios (saiba mais aqui). Fringe chegou ao fim em janeiro passado.

Teen TV - O canal CW, essencialmente voltado ao público jovem, já tinha anunciado o fim do remake 90210 e o último episódio será exibido nesta segunda, 13. O mesmo vale para Gossip Girl, que finalmente revelou a identidade dessa pessoa fofoqueira em dezembro. Emily Owens, M.D também chegou ao fim.

Mas Arrow, Beauty and the Beast, The Carrie Diaries, Hart of Dixie, Nikita, Supernatural e The Vampire Diaries estão com futuro garantido – ou pelo menos mais uma temporada.