Vídeo de jovem pedindo demissão enquanto dança faz música velha de Kanye West chegar ao top 20 da parada

“Gone” trilha um dos virais mais populares dos últimos tempos

Redação Publicado em 13/10/2013, às 10h41

Marina - Gone - Kanye West
Reprodução/vídeo

Se você é um trabalhador assalariado que acha que não recebe o tanto que deveria (existe outro tipo de trabalhador assalariado?) ou que é explorado pela empresa/chefe, é muito provável que nos últimos tempos alguém tenha te mandado o vídeo de um dos pedidos de demissão mais criativos de que se tem notícia. Nele (assista abaixo), uma jovem de 25 anos, que está trabalhando em plena madrugada, se enche dessa vida e cria um vídeo pedindo demissão enquanto dança pelo escritório. A parte mais divertida é que Marina Shifrin trabalha em uma empresa que produz vídeos. E a parte mais irônica é que ela reclama que o chefe só quer saber de gerar o máximo de views nos vídeos, sem ligar para o conteúdo – pois bem, o vídeo dela viralizou e conseguiu juntar uma quantidade invejável de views.

Mas a parte realmente mais curiosa dessa história – que muitos acreditavam ser a ação de alguma empresa, embora até agora ninguém tenha assumido a autoria da possível pegadinha – é que a mulher usou a música “Gone”, de Kanye West, para dar seu recado (o título da faixa pode ser traduzido para algo como “fui”). A canção de The Late Registration tem oito anos e nunca foi lançada como single, mas por causa do sucesso do viral, ela chegou ao top 20 da parada norte-americana. Aliás, “Gone” já é oficialmente mais popular do que qualquer um dos singles de Yeezus, o álbum que Kanye acabou de lançar. Vale ressaltar que isso aconteceu por causa das novas regras da parada, que agora usa em sua contagem o número de visualizações no YouTube, mesmo que não se trate de um clipe oficial da canção, como é o caso aqui.

Ah, para você que estava preocupado com o destino de Marina: Queen Latifah ofereceu um emprego a ela em seu novo talk show.