Cai na internet vídeo de Lorde, aos 12 anos, cantando em competição

“Ela está adorável”, disse o frontman do Cult sobre a versão dela de “Edie (Ciao Baby)”

Redação Publicado em 31/01/2014, às 16h32 - Atualizado às 17h46

Lorde
Paul A. Hebert/Invision/AP

Cinco anos antes de ganhar dois Grammys – Música do Ano e Melhor Performance Solo Pop – Lorde ficou em terceiro lugar na Batalha das Banda da Belmont Intermediate School, onde estudou no ensino fundamental. A conquista da cantora foi reconhecida pela escola em um letreiro que fica na porta do prédio e mostra os dizeres: “Parabéns, Ella Yellich-O'Connor, a.k.a. Lorde, por ganhar 2 Grammys! Nós estamos muito orgulhosos de você”.

Conheça Lorde, a adolescente neozelandesa que joga a verdade na cara do pop descartável.

Aos 12 anos, (a então) Ella era vocalista da banda Extreme, que acabou ficando em terceiro lugar na competição. No vídeo abaixo, o grupo interpretou músicas de Richard Blackwood e The Cult.

“Ela está adorável”, disse o frontman do Cult, Ian Astbury, sobre o cover de “Edie (Ciao Baby)” feito pelo Extreme. “A versão dela para a minha música derreteu meu coração. É tão linda. Ela é uma jovem poderosa, e é gratificante ver o que ela fez com a música”, disse Astbury à Rolling Stone EUA.

“Ela escreve as próprias músicas, não há uma máquina por trás dela. Tantos artistas de hoje em dia têm uma grande máquina por trás deles, mas esse trabalho genuinamente sai dela... A surpresa para muitos norte-americanos é de que há mundo fora dos Estados Unidos. Bem-vindo. Com a internet, agora, vivemos em uma era global.”

Assista à apresentação de Lorde e Extreme e uma breve entrevista com o grupo: