007: Roteirista Phoebe Waller-Bridge não defende James Bond mulher

Roteirista de Sem Tempo para Morrer, Phoebe Waller-Bridge não apoia uma agente 007 mulher: 'Bond é James Bond'

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 30/09/2021, às 16h16

None
Phoebe Waller-Bridge (Foto: Gregg DeGuire / Getty Images)

007 - Sem Tempo para Morrer chegou aos cinemas brasileiros nesta quinta, 30 de setembro, e marcou a despedida de Daniel Craig do icônico James Bond. Muito se especula sobre quem deveria interpretar o protagonista nas sequências da franquia. Phoebe Waller-Bridge, roteirista do filme recém-lançado, afirmou sua opinião: não defende uma mulher para o papel.

Aclamada por Fleabag (2016), série de comédia dramática vencedora do Emmy,Waller-Bridge foi chamada para comandar o roteiro de Sem Tempo para Morrer e precisou tomar muito cuidado ao lidar com um dos personagens mais icônicos do cinema, ao lado do diretor Cary Joji Fukunaga e da produtora Barbara Broccoli. 

+++LEIA MAIS: 007 - Sem Tempo Para Morrer: primeiras críticas exaltam roteiro 'emocionante' e atuação 'dedicada' de Daniel Craig; veja

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by James Bond 007 (@007)

 

De acordo com informações do jornal britânico Independent,Waller-Bridge foi convidada à produção com um roteiro pronto, precisaria apenas adicionar aspectos a um projeto que já estava encaminhado. "Tinham alguns pontos que queriam levar em outras direções, queriam um trabalho mais aprofundado com os personagens, olhando para as nuances em cada um deles.

Segundo a roteirista e atriz, o trabalho dela foi tanto pensar em adições para o script e ver se o resto da equipe concordava, quanto apoiá-los nas decisões. "Foi uma experiência incrível, pois foi uma colaboração, mas não foi a minha visão completamente." Waller-Bridge acrescentou como estava muito ansiosa para ver como essa dinâmica se traduziu nas telonas.

+++LEIA MAIS: 007: Tudo que você precisa lembrar antes de assistir Sem Tempo Para Morrer

Sobre a substituição de Craig, Waller-Bridge deixou claro como não é a favor de uma agente 007 mulher. "Para mim, Bond é James Bond. Só precisamos inventar alguém para ser tão boa quanto ele, uma rival." Vale ressaltar: o comentário da roteirista é para estimular a oferta de papéis melhores a mulheres e pessoas não-brancas na indústria cinematográfica. Como disse em entrevista ao Radio Times, "por que uma mulher deveria interpretar James Bond quando deveria haver um papel tão bom quanto, mas para as mulheres?" 

A produtora Barbara Broccoli deixou claro que as buscas por um novo James Bond não tiveram início até o momento, e devem começar em 2022. No passado, foram mencionados para o papel atores como Tom Hardy, Idris Elba, Rege-Jean Page, Daniel Kaluuya, entre outros.

+++LEIA MAIS: 007: Busca pelo próximo James Bond começa em 2022, diz produtora Barbara Broccoli