Após Oscar 2022 ignorar Anne Rice em homenagem, família relembra legado da escritora: 'Grande admiradora do cinema'

Anne Rice foi um dos diversos nomes de destaque ausentes no In Memoriam, que homenageia artistas mortos no ano anterior

Redação Publicado em 31/03/2022, às 10h02

None
Anne Rice (Foto: Reprodução /Twitter)

Após Anne Rice ser deixada de fora do segmento In Memoriam do Oscar 2022, o qual homenageou artistas mortos no ano passado, o filho da escritora, Christopher Rice, decidiu usar as redes sociais para relembrar o legado da mãe, o qual inclui diversas obras adaptadas para os cinemas. (Via E-Pipoca)

"Ela escreveu o roteiro para a adaptação para as telonas de seu romance Entrevista Com O Vampiro, que permaneceu como o filme r-rated (+18) de maior bilheteria por muitos anos após seu lançamento e recebeu várias indicações ao Oscar e uma indicação ao Globo de Ouro pela atuação de Kirsten Dunst como a vampira infantil Claudia."

+++ LEIA MAIS: Morre Anne Rice, autora de Entrevista com o Vampiro, aos 80 anos

Rice continuou: “Seus romances A Rainha dos Condenados e Saída Para O Éden também foram transformados em grandes filmes. Minha mãe era uma grande admiradora do cinema e seu poder [...] Enquanto nossa família está triste com essa omissão, especialmente à luz da influência e poder que o filme Entrevista Com O Vampiro teve em tantos projetos de vampiros subsequentes que se seguiram, as realizações de Anne são inegáveis e viverão para sempre entre seus entes queridos e leitores leais.”


Oscar 2022

O Oscar 2022 aconteceu em 27 de março, tradicionalmente no Dolby Theatre, na Califórnia, Estados Unidos. Dentre momentos memoráveis da cerimônia esteve o agradecimento de Troy Kotsur, vencedor do Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por No Ritmo do Coração - que fez seu discurso em linguagem de sinais; a vitória de Billie Eilish e Finneas em Melhor Canção Original; e o soco de Will Smith em Chris Rock.

+++ LEIA MAIS: Oscar 2022: Diretor Phil Lord critica piada sobre filmes animados serem para crianças

Anne Rice foi um dos diversos nomes de destaque ausentes no In Memoriam, que também ignorou Bob Saget,Norm Macdonald, Michael Nesmith e Willie Garson.