Como Quentin Tarantino homenageia padrasto em Era Uma Vez em Hollywood?

No livro de Era Uma Vez em... Hollywood, Quentin Tarantino desenvolve ainda mais a trama original

Isabela Guiduci Publicado em 09/07/2021, às 12h00

None
Quentin Tarantino (Foto: Vianney Le Caer / Invision AP) e Era uma Vez em... Hollywood (Foto: Divulgação)

Era Uma Vez em... Hollywood, aclamado filme de Quentin Tarantino, ganhará um livro pelas mãos do cineasta. Ao desdobrar o próprio roteiro, o diretor pôde trazer profundidade aos personagens existentes e adicionar alguns novos, via Cheat Sheet. Neste processo, conseguiu homenagear o padrasto, Curtis Zastoupil. 

Em entrevista ao Treatment no início desta semana, Quentin Tarantino discutiu a expansão deste universo a partir da narrativa do livro e explicou a razão de trazer o padrasto para Era Uma Vez em... Hollywood.

+++ LEIA MAIS: O que não vai faltar no último filme de Quentin Tarantino? Diretor responde

Segundo as informações, em uma cena ambientada em um piano bar, há uma narrativa sobre um pianista, trazendo uma realidade à história fictícia de 1969: "O pianista se chama Curt Zastoupil e é meu padrasto," afirma.

"Curt Zastoupil era músico de um piano bar em East LA e Los Angeles naquela época. Na verdade, ele trabalhou em um bar chamado The Drinker's Hall of Fame, que é muito bem descrito no livro porque eu realmente me lembro," explica. 

+++LEIA MAIS: Quentin Tarantino precisou cortar cena favorita de Era Uma Vez em... Hollywood; entenda

Ele continua: "Ele me levava a bares à noite quando estava tocando. Minha mãe me levava aos bares às vezes quando ele tocava à noite só para eu poder ouvi-lo tocar, e então uma vez ele me levou ao palco. Tipo, 'Ei, meu filho está em meio ao público. Venha aqui, Quent'. Ele me colocou em seu colo. 'Ok, vamos cantar a música do Mickey Mouse' ou algo assim. Todo o bar achou um momento sensível."

O livro de Era Uma Vez em… Hollywood, escrito por Quentin Tarantino, já está à venda no Brasil. 

+++ LEIA MAIS: Quentin Tarantino rebate críticas sobre cena de Bruce Lee em Era Uma Vez em… Hollywood: 'Chupem um p**'


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL