Ela é o Cara: Amanda Bynes sofreu com depressão e disforia de gênero durante filmagens

Amanda Bynes descreveu a experiência no longa como 'extracorpórea superestranha'

Redação Publicado em 30/08/2021, às 10h59

None
Amanda Bynes (Foto: Charley Gallay/Correspondente)

Protagonista do clássico Ela é o Cara (2006), Amanda Bynes sofreu com depressão e disforia de gênero durante filmagens da comédia romântica, segundo informações do Cheat Sheet. A artista foi uma das maiores estrelas de Holllywood no final dos anos 1990 e início dos anos 2000 - e teve o próprio programa de esquetes na Nickelodeon, intitulado O Show da Amanda.

Ela é o Cara foi um dos maiores filmes de 2006, no qual Bynes interpretou Viola, quem finge ser o irmão, Sebastian, para jogar futebol no lugar dele. O longa foi inspirado em Noite de Reis (1602), de Shakespeare, com foco em adolescentes de escolas particulares e dramas modernos. O elenco também contou com Channing Tatum, Laura Ramsey e James Snyder.

+++LEIA MAIS: Abe: 3 motivos para assistir (e 3 para não assistir) ao filme com Seu Jorge e Noah Schnapp [LISTA]

Durante as filmagens da produção, a atriz passou grande parte do tempo vestida de homem, e admitiu como isso afetou a imagem corporal e saúde mental dela, segundo Insider. "Quando o filme foi lançado e o vi, entrei em profunda depressão por quatro a seis meses porque não gostava de como eu era quando menino," revelou.

Quando Amanda Bynes se viu vestida como homem na tela, descreveu a sensação como "experiência extracorpórea superestranha." Um dos fãs dela comparou a experiência da atriz em Ela é o Cara como "uma forma de disforia de gênero," de acordo com The Things. "Não para minimizar ou tirar as experiências, mas imagine como as pessoas trans se sentem quando forçadas a um papel," explicou.

+++LEIA MAIS: Da One Direction ao Fine Line: como Harry Styles se tornou um ícone da moda

Em 2010, Bynes anunciou aposentadoria da carreira de atriz após a estreia de A Mentira. A estrela admitiu como usava maconha e Adderall regularmente - e lidava com problemas de saúde mental na época. Desde então, ficou fora dos holofotes e não voltou a ter destaque na indústria.


O que Amanda Bynes faz atualmente?

Segundo Paper, a ex-atriz começou a se interessar por moda e design após parar de atuar e tratar dos problemas de saúde mental. Matriculou-se na Fashion Institute of Design & Merchandising em 2014.

+++LEIA MAIS: Kanye West diz que Donda foi lançado sem autorização; entenda

Paper relatou como a orientadora na instituição, Kathie Gilbert, afirmou: "Os instrutores a amam... [Os professores] gostariam como todos os os alunos pudessem ser como ela. Ela é inteligente, participa das aulas - é uma aluna incrível." Obteve o diploma do curso em questão em 2019.

Após anunciar noivado e uma gravidez em 2020 - assim como falar publicamente sobre a tutela - Bynes voltou a ter uma presença mais silenciosa nas redes sociais. (O advogado dela, mais tarde, esclareceu como a artista não estava grávida.) A intérprete de Viola ainda está noiva de Paul Michael.

+++LEIA MAIS: You temporada 3: estreia, teaser e tudo o que você precisa saber [LISTA]


+++ CONFIRA TUDO SOBRE A BANDA 5 SECONDS OF SUMMER!