Gwyneth Paltrow lança comprimido para aumentar libido feminina; entenda

goop, marca de Gwyneth Paltrow, lançou uma 'cápsula impulsionadora da libido feminina' chamada DTF; saiba mais

Redação Publicado em 05/10/2021, às 18h34

None
Gwyneth Paltrow (Foto: Leon Bennett/Getty Images)

A atriz Gwyneth Paltrow — famosa por papéis como Pepper Potts nos filmes do Homem de Ferro (2008) e Margot Tenenbaum em Os Excêntricos Tenenbaums (2001) — também é empreendedora. Em 2008, lançou a goop, uma marca focada em bem-estar e estilo de vida, com propósito de "começar conversas difíceis, quebrar tabus e procurar conexão." O mais novo produto é uma "cápsula impulsionadora da libido feminina."

De acordo com informações da Revista Monet, da Globo, a intenção é desmistificar a sexualidade feminina com produtos focados em autoconhecimento para criar uma melhor e mais prazerosa saúde sexual para mulheres. Paltrow foi ao Instagram para anunciar o produto oficialmente: "Estresse diário e ansiedade, mudanças hormonais, exaustão, idade... tudo isso pode impactar nossa libido e saúde sexual."

+++LEIA MAIS: Gwyneth Paltrow: 4 curiosidades sobre a atriz; velas com aroma de vagina, disputa com Fernanda Montenegro e mais [LISTA]

A atriz de 49 anos continuou, na legenda: "Então sim, nós (com nossa equipe de ciências e pesquisa) criamos um suplemento que REALMENTE ajuda e, sim, chamamos de DTF. Porque, sabe, somos a goop." A sigla em inglês significa a expressão "down to f***," a qual pode ser traduzida para o português como "pronta/o para f****."

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Gwyneth Paltrow (@gwynethpaltrow)

 

Um frasco com cápsulas impulsionadoras custa US$ 55 — cerca de R$ 300, na cotação atual —, de acordo com o site da goop. O suplemento é composto de ingredientes como feno-grego, shatavari e extrato de açafrão e promete aumento "no desejo sexual, excitação e humor." No entanto, a empresa de Paltrow também esclarece como as declarações não foram aprovadas pela agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, e o produto não trata ou cura qualquer doença.

+++LEIA MAIS: Gwyneth Paltrow esqueceu (de novo) que estava em Homem-Aranha: De Volta ao Lar; entenda

A goop já foi alvo de discussões no passado, quando Paltrow lançou velas com "cheiro de genitais femininas" e de "orgasmos." Alguns clientes relataram uma explosão do produto, e, inclusive, um homem do Texas, EUA, entrou com um processo pedindo US$ 5 milhões pelos danos causados.