Ice Cube deixa produção de filme após recusar vacina contra covid-19; entenda

Ator e rapper, Ice Cube foi escalado junto com Jack Black - e ganharia cerca de R$ 50 milhões - em um filme ambientado no Havaí

Daniel Kreps, Rolling Stone EUA | Tradução: Julia Harumi Morita Publicado em 30/10/2021, às 12h00

None
Ice Cube (Foto: Reprodução /Twitter)

Ice Cube deixou o papel de coprotagonista na comédia Oh Hell No depois de recusar o pedido dos produtores para vacinação contra covid-19. De acordo com o THR, o rapper foi escalado em junho para estrelar o título da Sony ao lado de Jack Black e os produtores pediram para todo o elenco e equipe se vacinarem antes da filmagem no Havaí.

Ice Cube recusou, fontes disseram ao THR, então saiu do projeto e deixou um salário de cerca de R$50 milhões. Um representante do artista não respondeu ao pedido da Rolling Stone EUA para comentar o assunto. Tanto a Sony quanto a agência de talentos do rapper se recusaram a fazer um comentário ao THR

+++ LEIA MAIS: Warner se recusa a fazer novo filme de Sexta-Feira Em Apuros, diz rapper Ice Cube

Embora Ice Cube não tenha comentado publicamente sobre a vacinação contra covid-19, ele defendeu veementemente nas redes sociais o uso de máscara durante a pandemia. O rapper até lançou uma linha de camisetas - com imagens icônicas do rapper usando uma máscara - para arrecadar fundos para profissionais de saúde da linha de frente.

No último mês de agosto, Ice Cube também doou 2 mil máscaras para uma faculdade de Oklahoma, Estados Unidos, e foi frequentemente fotografado usando máscaras durante o torneio de basquete Big 3.

+++ LEIA MAIS: Eminem faz lista dos melhores rappers de todos os tempos - e, acredite, não se coloca entre eles

Ice Cube - que atualmente está atuando ao lado de Snoop Dogg, E-40 e Too Short no supergrupo de rap Mount Westmore - se viu envolvido em um polêmica no ano passado, quando pareceu se alinhar com a administração Trump por um mês durante a eleição de 2020.

O rapper explicou mais tarde em uma entrevista à Rolling Stone EUA: “Bem, não falei com Trump. Nunca o conheci em minha vida. Então, conversei com o pessoal dele e ele fez ajustes em seu plano. Essa é apenas a verdade. Posso inventar algumas besteiras e mentir sobre o que aconteceu. Essa é a verdade. Foi o que aconteceu. E os democratas ainda tiveram a oportunidade de fazer a mesma coisa. Eles têm a oportunidade de fazer isso.”

+++ LEIA MAIS: Ice Cube responde críticas após compartilhar post antissemita

Ele continuou: “E veja, não estou dizendo a ninguém em quem votar. Não estou endossando ninguém. É uma decisão que as pessoas devem tomar por conta própria. Mas foi o que aconteceu. E vou falar com todos os presidentes até terminarmos isso.”