Marvel: Kevin Feige quase matou Vingadores originais em Ultimato; entenda

Presidente da Marvel, Kevin Feige tinha planos de matar a equipe dos Vingadores originais no último filme dos heróis

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 26/10/2021, às 17h37

None
Vingadores (Foto: Reprodução/Marvel)

Kevin Feige, presidente da Marvel, inicialmente planejava matar todos os seis Vingadores originais em Ultimato (2019). Novos detalhes dos bastidores do MCU revelaram que Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Capitão América (Chris Evans), Viúva Negra (Scarlett Johansson), Thor (Chris Hemsworth), Hulk (Mark Ruffalo) e Gavião Arqueiro (Jeremy Renner) quase tiveram um destino bem diferente do conhecido pelo público.

Em Ultimato, a equipe sobrevive ao estalo de Thanos e tenta encontrar uma maneira de reverter o blip e trazer metade do universo de volta. Durante a missão, alguns heróis perdem a vida, como Viúva Negra, quem se sacrifica para conseguir a Joia da Alma em Vormir, e Homem de Ferro, quem estala os dedos com a Manopla do Infinito para desfazer as ações do vilão.

+++ LEIA MAIS: Marvel: As 5 cenas pós-créditos mais engraçadas da franquia - Vingadores, Shang-Chi e mais [LISTA]

No entanto, de acordo com Screen Rant, o livro The Story of Marvel Studios: The Making of the Marvel Cinematic Universe (2021) revelou que o plano inicial era de que todos os Vingadores originais morreriam no último filme:

“‘O argumento inicial de Kevin era de que se tratava de Toy Story 3 - um conceito de ‘todos eles vão pular juntos em uma fornalha,’ revela [diretor] Joe Russo. A reação dos irmãos foi que não havia maneira da história conseguir reservar um tempo para celebrar cada um deles. E isso, para os fãs, era um cenário impossível de sair do cinema e processar.”]

+++ LEIA MAIS: Cena de Shang-Chi explica mistério de Vingadores: Guerra Infinita; entenda

Para a felicidade do público, os irmãos Russo não aceitaram a ideia de Feige. Matar os Vingadores originais com certeza seria um ato corajoso e completamente imprevisível. Dificilmente o filme conseguiria realizar tal feito e dar uma despedida adequada para cada um dos heróis.

Por isso, optaram por transformar a morte do Homem de Ferro em algo impactante o suficiente para atingir o público. Além de dar oportunidade de expandir a história personagens, como fizeram com a Viúva Negra no filme solo ou com o final feliz do Capitão América em Ultimato.

+++ LEIA MAIS: Eternos: Por que heróis não puderam intervir em batalha dos Vingadores contra Thanos?

Irmãos Russo na Universo Cinematográfico da Marvel

Os irmãos Russo estrearam no MCU com Capitão América: O Soldado Invernal (2016) e conquistaram muitos fãs. Com Guerra Civil, a dupla trouxe uma questão importante sobre o Comitê Criativo da Marvel, o qual foi dissolvido eventualmente. Mais tarde, os dois foram responsáveis por grandes crossovers: Vingadores: Guerra Infinita (2018) e Vingadores: Ultimato (2019).