Marvel: Por que participação de Stan Lee em Capitã Marvel é a melhor dele no MCU?

Participação de Stan Lee acontece brevemente no início do filme, mas indica uma época na qual Marvel não era tão bem-sucedida

Redação Publicado em 29/10/2021, às 14h03

None
Stan Lee em Capitã Marvel (Foto: Reprodução/Disney)

Stan Lee serviu como embaixador do Universo Cinematográfico Marvel (MCU) para o mundo, e isso rendeu uma série de participações especiais do quadrinista nas adaptações da empresa. Segundo informações do CBR, a melhor aparição do artista em uma produção aconteceu em Capitã Marvel (2019).

Enquanto MCU crescia, as aparições de Lee se tornaram obrigatórias e com bastante expectativa por parte dos fãs - e o quadrinista participava nos mais diversos locais dos filmes, desde festas na sede dos Vingadores aos confins da galáxia. Porém, vale lembrar como ele aparecia antes nos filmes baseados em HQs da Marvel, como X-Men e Homem-Aranha dos anos 2000.

+++LEIA MAIS: Por que Stan Lee só dá nomes aliterativos aos heróis?

A participação especial do astro em Capitã Marvel acontece logo no início da trama, quando Carol Danvers (Brie Larson) ainda estava sem memórias e a serviço dos Kree. A protagonista chega à Terra em 1995 e persegue um fugitivo Skrull em um trem público de Los Angeles. Enquanto verifica os passageiros um por um, ela encontra Stan Lee lendo um roteiro de Barrados no Shopping (1995).

Então, a heroína vira as páginas para trás com intuito de olhá-lo no rosto, apenas para Stan Lee dar um grande sorriso antes de seguir com o objetivo. Porém, segundo CBR, a piada está no de Barrados no Shopping, escrito e dirigido por Kevin Smith. Vale lembrar como o filme foi lançado na época na qual a cena se passava.

+++LEIA MAIS: Marvel faz homenagem a Stan Lee em WandaVision - que você provavelmente não viu

A produção de Smith fracassou inicialmente, mas ganhou certo status cult ao longo dos anos. Assim como Capitã Marvel, o longa contém uma participação especial de Lee, quem dá conselhos a um dos protagonistas sobre a vida amorosa e discute os aspectos mais íntimos da anatomia do super-herói.

O roteiro de Barrados no Shopping em Capitão Marvel pode indicar como o quadrinista interpretava a si mesmo estudando as falas antes do filme ser filmado. No entanto, a participação pode indicar uma espécie de cápsula do tempo para Stan Lee e Marvel, a qual não era tão exaltada quanto a concorrente, DC Comics.

+++LEIA MAIS: Venom 2: 4 Easter eggs da Marvel na sequência com Tom Hardy - Stan Lee, apelido das HQs e mais [LISTA]

O primeiro sucesso da editora nos cinemas, Blade - O Caçador de Vampiros (1998), seria lançado três anos após Barrados no Shopping. O segundo destaque X-Men - O Filme (2000), sairia do papel em dois anos.