Matrix 4 ganha primeiras reações mistas sobre narrativa e elenco: 'inteligente,' 'ação decepcionante', 'ousado' e mais [LISTA]

Matrix Resurrections, o quarto filme da franquia estrelada por Keanu Reeves, chega aos cinemas no dia 22 de dezembro de 2021

Redação Publicado em 17/12/2021, às 10h11

None
Cena do trailer de Matrix Resurrections (Foto: Reprodução/YouTube)

Prestes a estrear nos cinemas no dia 22 de dezembro, Matrix 4 (2021), oficialmente conhecido como Matrix Resurrections, ganhou as primeiras reações. Críticos dos mais diversos veículos de entretenimento internacionais compartilharam opiniões mistas sobre a narrativa e o elenco. (Via IndieWire)

Vale lembrar que o quarto filme da franquia é dirigido por Lana Wachowski e conta com o retorno dos atores Keanu Reeves (Neo), Carrie-Anne Moss (Trinity) e Jada Pinkett Smith (Niobe). O filme mostra Neo atormentado por memórias estranhas e, por isso, é atraído para a Matrix novamente.

+++  LEIA MAIS: Matrix 4: Keanu Reeves e Carrie-Anne Moss pularam 20 vezes de prédio de 46 andares

"Ação é decepcionante e os novos personagens rasos"

Scott Mendelson, crítico de filmes da Forbes, escreveu: "Matrix Resurrections é uma comédia. A ação é decepcionante e os novos personagens são rasos. Mas o comentário metatextual é mordaz. Ele luta com seu próprio legado no estilo Jurassic World /Bad Boys 3 /RP1. Prefiro os três primeiros, mas este é um balanço selvagem."


"Inteligente, engraçado, estranho e mais"

Por outro lado, Erik Davis, do Rotten Tomatoes, não poupou elogios para a sequência. "O primeiro ato de Matrix Resurrections é estelar. Inteligente, engraçado, estranho, autorreferencial e inesperado. Adicione a isso sequências de ação incrivelmente inventivas, decisões elevadas de narrativa e uma tonelada de grandes ideias que irão alimentar muitas perguntas. Acredite em mim, será necessário ver muitas vezes."

+++ LEIA MAIS: Matrix 4: Tom Hardy foi figurante durante filmagens; entenda


"Tem consciência demais de sua existência"

Clayton Davis, da Variety, apontou outros defeitos do filme, os quais, de alguma forma, atendem às demandas do público. "Matrix Resurrections tem consciência demais de sua existência. Zomba de si mesmo um pouco demais, é muito pesado na história de amor, sem muita ação e efeitos espetaculares, o que é o que as pessoas querem. A melhor parte é Jonathan Groff, mas isso é apenas a vida neste momento."


"Divertido; muita exposição e destaque para Neil Patrick Harris e Jonathan Groff"

Nigel Smith, da People, escreveu: "Matrix Resurrections é mais divertido do que me lembro das sequências serem. Sim, está atolado na exposição como os dois anteriores, mas há uma piscadela de conhecimento para tudo agora. Os recém-chegados Neil Patrick Harris e Jonathan Groff são a chave para isso. Ah, e o clímax é demais."

+++ LEIA MAIS: Matrix 4: Com menos ação, filme foca em outra narrativa, revela Keanu Reeves


"Não é perfeito"

Liz Shannon Miller, da Consequence, também enfatizou pontos negativos, sem deixar de apontar aspectos positivos. "Não é perfeito. Há alguns momentos que podem ser completamente e um total absurdo. Mas enquanto Matrix Revolutions partiu meu coração, Matrix Resurrections... fez outra coisa. E estou tão feliz com isso."


"Sequência mais ousada desde Os Últimos Jedi"

David Ehrlich, do IndieWire, comentou: "Matrix Resurrections, apesar de (e por causa de) sua infinita besteira, é a sequência mais ousada e mais vividamente pessoal de Hollywood desde Os Últimos Jedi. Um cérebro de galáxia tolo /sincero sobre a cultura de reboot que faz as pazes com a forma como os sucessos de bilheteria modernos agora são apenas sobre si mesmos."