MCU: Por que pode ser tarde demais para introduzir os Jovens Vingadores?

Os Jovens Vingadores provavelmente serão a próxima equipe de heróis a assumir o MCU – se não for tarde demais para isso acontecer

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 10/10/2021, às 14h40

None
Billy e Tommy em WandaVision (Foto: Reprodução/Marvel)

Os Jovens Vingadores provavelmente são a próxima grande franquia do Universo Cinematográfico Marvel. No entanto, com a abertura do multiverso, pode ser tarde demais para essa equipe ser introduzida e continuar revelante. (via Screen Rant)

A temática principal da Fase 4 do MCU sem dúvidas é o multiverso. Depois de aparecer brevemente em WandaVision (2021), foi explorado mais a fundo em Loki (2021) e ainda será abordado em Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa (2021) e Doutor Estranho no Multiverso da Loucura (2022). Além disso, deu origem a série animada What If…? (2021), em que cada episódio aborda uma linha temporal diferente.

+++ LEIA MAIS: Marvel: Personagens que adoraríamos ver interagindo no MCU: de Homem-Aranha e Shuri a Doutor Estranho e Agatha [LISTA]

Ao mesmo tempo, o terreno para receber os Jovens Vingadores está sendo preparado com Billy (Julian Hilliard) e Tommy(Jett Klyne), filhos de Wanda (Elizabeth Olsen) e Visão (Paul Bettany) e O Falcão e o Soldado Invernal (2021) estabelecendo uma origem para o Patriota. Loki (2021) também apresentou o Kid Loki (Jack Veal) e Hawkeye (2021) trará Kate Bishop (Hailee Steinfeld) como a nova Gaviã Arqueira.

Outros personagens ainda não vistos no MCU aparecerão em futuras produções como Riri Williams/Coração de Ferro que estreará em Pantera Negra: Wakanda Forever (2022) e Kamala Khan/Mrs. Marvel que ganhará a própria série no Disney+ além de aparecer em The Marvels (2022). A única heroína que não ganhou muito destaque foi Cassie Lang (Emma Fuhrmann), também conhecida como Stature.

+++ LEIA MAIS: Marvel: Por que Angelina Jolie aceitou participar de Eternos, do MCU?

As produções estão caminhando para a formação dos Jovens Vingadores no MCU e esses heróis herdarem esse universo é necessário, não apenas para as histórias, mas para a franquia. Os atores estão envelhecendo e não serão capazes de interpretar os mesmos personagens com a versatilidade de anos atrás. Além disso, alguns personagens morreram ao longo dos filmes e dificilmente os intérpretes voltarão em novos projetos.

No entanto, a forma como o MCU está abordando o multiverso em produções como What If…?, ao trazer atores originais para dublar os personagens e colocar os heróis da formação principal dos Vingadores para ter mortes dolorosas em quase todos os episódios, pode prejudicar a introdução de um novo grupo neste universo.

+++ LEIA MAIS: What If…?: Episódios finais conectam histórias alternativas dos heróis do MCU, diz showrunner

Isso porque, em vez dessas séries ajudarem o público a desapegar dos antigos personagens, elas só reforçam ainda mais a falta que eles farão em produções futuras. Dessa forma, será ainda mais difícil para a Marvel introduzir um novo grupo e criar uma conexão dele com os fãs capaz de deixar um legado tão grande como Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Capitão América (Chris Evans) e Viúva Negra (Scarlett Johansson) deixaram.

Uma solução possível pode ser colocar um personagem estabelecido como Homem-Aranha (Tom Holland) para guiar a nova equipe, a fim de criar um elo entre os Jovens Vingadores e os antigos heróis do MCU. No entanto, a Marvel terá que introduzi-los antes que seja tarde demais.

+++ LEIA MAIS: Marvel: quais atores trabalharam juntos fora do MCU? Chris Evans e Scarlett Johansson, Tom Hiddleston e Brie Larson e mais [LISTA]