Morre Michael Constantine, ator de Casamento Grego, aos 94 anos

Michael Constantine também se destacou por filmes como Enquanto Viverem as Ilusões (1969), A Maldição (1996) e Um Natal Mágico (1989)

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 09/09/2021, às 11h55

None
Michael Constantine (Foto: Theo Wargo/Equipe)

Michael Constantine, intérprete de Gus Portokalos na comédia Casamento Grego (2002), morreu em decorrência de causas naturais aos 94 anos. A morte do ator aconteceu em 31 de agosto de 2021, e o agente dele revelou a notícia em declaração à revista Variety na última quarta, 8.

Nascido em Reading, Pensilvânia, em 22 de maio de 1927, Constantine foi criado pela primeira geração de imigrantes gregos. Começou a carreira de ator nos palcos em Nova York, e em meados da década de 1950, serviu como substituto de Paul Muni em Inherit the Wind. Na peça, conheceu e se casou com a atriz Julianna McCarthy em 5 de outubro de 1953. Os dois se separaram em 1969, mas tiveram dois filhos, Thea Eileen e Brendan Neil.

+++LEIA MAIS: Viúva Negra: Benedict Cumberbatch defende Scarlett Johansson em processo contra Disney: 'Tudo tem que estar no contrato'

O astro mudou a carreira para as telas em 1959, e teve papéis em séries como Brenner e The Detectives, além filmes como The Last Mile e The Hustler. Por ser alto, Michael Constantine interpretava personagens com ar de autoridade, geralmente policiais ou criminosos, segundo comicbook.

Constantine ganhou o Emmy de Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia em 1970 pelo papel de Seymour Kaufman em Room 222. Foi indicado novamente no ano seguinte, mas perdeu para Ed Asner, quem atuou como Lou Grant no The Mary Tyler Moore Show. Recebeu nomeação ao Globo de Ouro em 1971, mas perdeu para James Brolin.

+++LEIA MAIS: Duna: Apesar de críticas mistas, filme é ovacionado em Festival de Veneza

Além de Casamento Grego, o ator também se destacou nos cinemas com papéis em filmes como Enquanto Viverem as Ilusões (1969), A Maldição (1996), adaptação do livro de Stephen King, e Um Natal Mágico (1989), no qual interpretou Papai Noel.