O Último Duelo: Ben Affleck rebate comentários de Ridley Scott sobre baixa bilheteria: 'Tudo mudou'

Com Ben Affleck e Matt Damon, O Último Duelo chega ao Star+ no dia 19 de janeiro

Redação Publicado em 12/01/2022, às 12h39

None
Ben Affleck (Foto: Astrid Stawiarz / Getty Images) │Ridley Scott (Foto: Dominique Charriau / Getty Images)

Embora O Último Duelo, novo filme de Ridley Scott, tenha conquistado a crítica, não teve um bom retorno de bilheteria e o cineasta culpa os millennials pelo baixo desempenho do longa-metragem. "A Disney fez um trabalho de promoção fantástico. [...] O que temos hoje [são] as audiências criadas nesses malditos celulares. O ‘millennial’ não quer aprender nada, a menos que lhe seja dito pelo celular," criticou.

Em entrevista ao The Hollyood Reporter, via E-Pipoca, o protagonista do longa-metragem, Ben Affleck, rebateu os comentários do diretor: "Realmente, a verdade é que eu tive filmes que não foram bem, mas não eram bons. É muito fácil entender isso e por que aconteceu."

+++LEIA MAIS: O Último Duelo: Ridley Scott culpa ‘millennials’ por fracasso de bilheteria: ‘Criados em malditos celulares’

"O filme é uma m***a, as pessoas não querem ver, certo? Este filme, O Último Duelo, eu realmente gosto. É bom e funciona – eu vi a reação do público e agora está funcionando bem no streaming. Não foi um daqueles filmes em que você diz: 'Puxa, gostaria que meu filme tivesse funcionado'," disse.

Ele continuou: "Em vez disso, isso se deve mais a uma mudança sísmica que estou vendo e estou conversando sobre isso com cada pessoa que eu conheço. Embora existam várias iterações, a conversa é a mesma: Como [a indústria do cinema] está mudando."

+++LEIA MAIS: Ridley Scott manda jornalista ‘se f***’ após pergunta sobre O Último Duelo; entenda

O astro acrescentou sobre a mudança no consumo de filmes nos dias atuais: "Uma das maneiras fundamentais pelas quais ela [indústria] está mudando é que as pessoas que querem ver dramas adultos complicados e não são parte de uma franquia são as mesmas pessoas que estão dizendo a si mesmas: 'Quer saber? Não preciso ir ao cinema porque gostaria de fazer uma pausa, ir ao banheiro, terminar amanhã'."

"É isso, junto do fato de que você pode assistir com boa qualidade em casa. Não é como quando eu era criança e a TV em casa era uma TV em preto e branco de 11 polegadas. Você pode comprar uma TV de 65 polegadas no Walmart por US$ 130. A qualidade é boa e as pessoas estão em casa fazendo streaming em Dolby Vision e Dolby Atmos. Tudo mudou," concluiu. 

+++LEIA MAIS: O Último Duelo: Por que beijo de Ben Affleck e Matt Damon ficou fora do filme?


O Último Duelo (2021)

Dirigido por Ridley Scott e ambientado na França Medieval, O Último Duelo retrata a história do julgamento por combate de um cavaleiro (Matt Damon), quem acusa o escudeiro (Adam Driver) de estuprar a esposa (Jodie Comer). Ben Affleck também estrela a produção como o Conde Pierre d'Alençon. O filme chega ao catálogo do Star+ no dia 19 de janeiro.