Os 6 melhores filmes de Natal da história, de Duro de Matar a Charlie Brown [LISTA]

Reúna a família e dê play em algum desses grandes clássicos do Natal - é alegria na certa

Redação Publicado em 24/12/2021, às 15h00

None
O Natal de Charlie Brown (Foto: divulgação / CBS)

O Natal é uma das festas mais familiares, emocionantes e generosas do ano. A festividade celebra o ano que passou, e famílias se reúnem em um dia cheio de carinho e alegria. Para completar, todos os anos vemos chegar diversos filmes sobre a época.

Há oitenta anos, agora, filmes de Natal tornaram-se quase obrigatórios anualmente. Embora haja diversos títulos incríveis, estes são os melhores de todos, de acordo com notas do IMDB. Confira:


6. Contos de Natal (1951)

Nota: 8,1

Um Conto de Natal é uma das histórias mais populares da época. Nela, o mal-humorado Scrooge descobre o verdadeiro significado da data ao ser visitado pelos fantasmas do Natal presente, passado e futuro. Com incontáveis adaptações para as telas, esta versão musical se destaca pelas faixas icônicas e bom recebimento crítico, além de impactante.


5. A Loja da Esquina (1940)

Nota: 8,1

A produção da era de ouro do cinema é considerada uma das mais importantes da arte dos EUA. Mostra a história de dois vendedores de uma loja de presente se apaixonando. Tem 100% de aprovação no Rotten Tomatoes, e um histórico de 80 anos de críticas positivas.


4. Duro de Matar (1988)

Nota: 8,2

Embora alguns discutam se este é ou não um filme de Natal, é seguro dizer que sim. Nele, um bando de civis é feito refém de terroristas. Cabe a John McClane (Bruce Willis) se esgueirar e salvar a esposa e todos os outros. O filme de ação natalina é extremamente bem avaliado, e a receita foi quatro vezes maior do que o orçamento.


3. Feliz Natal, Charlie Brown (1965)

Nota: 8,4

Essa era daquelas fitas cassete que tinha em todos os lados: na sua casa, na casa da avó, na escolinha infantil que você estudou. Charlie Brown, dono do simpático Snoopy, aparece meio deprimido, para variar. Ele está triste com o Natal, porque só vê consumismo. Mas os amigos o ajudam a viver o espírito da festa. Feito um pouco às pressas, a animação tornou-se um ícone natalino.


2. Como o Grinch Roubou o Natal! (1966)

Nota: 8,4

Bem antes de Jim Carrey, o Grinch apareceu pelas TVs do mundo todo. Nesta animação feita diretamente para televisão, conhecemos o antipático mas amável personagem de Dr. Seuss, quem odeia o Natal e faz de tudo para acabar com as baboseiras festivas. É tão amado que, nos EUA, passa todos os anos na televisão, desde 1966.


1. A Felicidade Não se Compra (1946)

Nota: 8,6

George é um homem que lutou por dinheiro e contra a falência a vida toda. Depois de um série de infortúnios, acaba sem um tostão e com um mandado de prisão na Véspera de Natal. Deprimido, decide se matar - mas um anjo vem e lhe mostra a linha do tempo em que nunca existiu - claramente, um desastre. Este é considerado não apenas um clássico de Natal, mas um patrimônio cinematrográfico no geral, além de um dos maiores filmes da história.