Pânico 5 'terá menos metalinguagem e mais terror', diz produtor

Próximo filme da franquia, Pânico 5 será bem diferente dos outros longas - e o produtor Kevin Williamson explicou como

Vitória Campos (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 10/08/2021, às 18h28

None
Franquia Pânico (Foto: Divulgação)

Uma das franquias de terror mais conhecidas pelo público, Pânico teve o primeiro filme lançado em 1996, e foi considerada uma saga inteligente e inovadora na maneira de representar o horror. No entanto, o próximo longa, Pânico 5 (2022) será bem diferente - e o produtor Kevin Williamson explicou como. 

Williamson, produtor e co-criador da franquia ao lado de Wes Craven, contou como a nova produção, Pânico 5, não focará tanto na comédia e paródias. Assim, o filme será mais realista e aterrorizante. 

+++ LEIA MAIS: Filmar Pânico na pandemia foi 'exaustivo,' diz David Arquette

“O novo filme não terá tanta metalinguagem. Teremos mais terror. Apenas faremos o oposto do que fizemos nos primeiros quatro filmes. Fiquei preocupado que a franquia tenha se desgastado com toda a metalinguagem e desconstrução que fizemos do gênero. Desde então, muitas pessoas fizeram filmes de terror nesse mesmo estilo,” explicou Williamson em coletiva de imprensa (via Cine Pop).

O produtor ainda acrescentou: “O que eu mais amei no novo Pânico é que traz uma abordagem inovadora. É um filme novo, mas também há elementos nostálgicos. Para mim, é o equilíbrio perfeito de como deveria ser um próximo filme da franquia. É por isso que estou muito animado…  Fiquei impressionado pelos diretores, e estava muito nervoso, porque ninguém é igual ao Wes Craven. Estava hesitante em participar do projeto, mas estou feliz por ter aceitado. Acredito que eles deixarão o Wes orgulhoso.”

+++ LEIA MAIS: 6 filmes de terror que rendem boas risadas: de Gremlins a Zumbilândia [LISTA]

Pânico 5 será dirigido pela dupla Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett, sendo o primeiro filme da saga sem direção de Wes Craven, devido à morte do cineasta em 2015. Além disso, a produção conta com o retorno dos principais atores, como Neve Campbell, Courteney Cox e David Arquette, e chega aos cinemas em 13 de janeiro de 2022.


+++ FIUK: 'TENHO ROCK NA VEIA DESDE CRIANÇA' | ENTREVISTA | RS