Spencer: Por que Diana come pérolas no filme? Kristen Stewart explica

Dirigido por Pablo Larraín, Spencer chegou aos cinemas brasileiros no dia 27 de janeiro de 2022

Redação Publicado em 28/01/2022, às 09h25 - Atualizado em 29/01/2022, às 15h30

None
Kristen Stewart como Princesa Diana em Spencer (Foto: Reprodução/Youtube)

Spencer (2021), de Pablo Larraín, foi apresentado como uma fábula sobre a vida da princesa Diana. O longa-metragem conta com cenas imaginadas, entre elas, um momento em que Lady Di come pérolas.

Em entrevista ao Entertainment Weekly, Kristen Stewart explicou como a cena foi realizada e falou sobre a importância dela no filme. "Era chocolate, então, tive que me manter muito consciente para não mostrar isso e manter a boca fechada."

+++ LEIA MAIS: Spencer: Kristen Stewart fez questão de retratar lado materno de Diana; entenda

Stewart continuou: "Sei que é uma interpretação, algo imaginado, é um poema. É tudo isso, e não o digo para pedir desculpas por nossos possíveis equívocos, mas porque realmente foi uma espécie de meditação sobre o que a inspirou."

A atriz também falou sobre como a equipe de produção se aventurou em experimentos e deixou a cena com o som original. "'Às vezes, quando você está muito perto de algo você acha que certas coisas são erros quando não são, você entende o que quero dizer? Então [os mixadores de som] estavam tipo: 'Mas dá para ouvir, soa como M&Ms!' E eu fiquei tipo: 'Sim, mas imagine se fosse realmente audível, esse 'crack'.' E assim eles o colocaram de volta."

+++ LEIA MAIS: Spencer: Kristen Stewart relembra nervosismo no set: ‘Estava alucinando’

Kristen Stewart pode quebrar tabu de 26 anos no Oscar com Spencer

Kristen Stewart pode realizar uma conquista histórica no Oscar 2022. A atriz é uma das favoritas para a categoria principal de atuação, porém não foi indicada para o SAG Awards - uma nomeação quase obrigatória para as vencedoras do Oscar. Caso ganhe a estatueta da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, a artista quebrará uma tradição de 26 anos.