Star Wars: Por que franquia demora para lançar filmes?

Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, explicou processo de criação dos filmes de Star Wars

Dimitrius Vlahos (sob supervisão de Eduardo do Valle) Publicado em 22/05/2022, às 14h00

None
Star Wars Especial de Natal (Foto: Divulgação)

Franquia Star Wars passou por grandes hiatos ao longo da história. Após compra pela Disney, no entanto, intervalo entre Star Wars: Episódio IX (2019) e o próximo longa-metragem foi o maior até o momento.

Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm - estúdio responsável pelos filmes - explicou algumas das razões para a demora entre produções. "Todos reconhecemos, cada um de nós, que este era um novo capítulo para a companhia e que precisamos trabalhar juntos para criar a arquitetura do nosso caminho," afirmou à Vanity Fair (via CBR).

+++LEIA MAIS: Carrie Fisher: 3 curiosidades sobre atriz; penteado da Princesa Leia, família de artistas e mais [LISTA]

"Qualquer um que entra no universo de Star Wars precisa saber que se trata de três, quatro ou cinco anos de compromisso. Você não pode entrar por um ano, filmar algo e sair depois. Precisa nutrir," completou sobre equipe e atores.

O hiato deve acabar com o lançamento de Rogue Squadron, dirigido por Patty Jenkins. Filme feito por Taika Waititi - responsável por Thor: Amor e Trovão (2022) - também está em produção.

+++ LEIA MAIS: Star Wars: Oscar Isaac levou 24 tapas de Carrie Fisher no rosto para acertar cena do filme; entenda

Apesar dos anos sem filmes, Star Wars continuou expandindo próprio universo. As séries do Disney+, O Mandaloriano (2019) e O Livro de Boba Fett(2021), preencheram vazio cinematográfico da franquia.