Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Cinema / Vem aí!

Truque de Mestre 3: Por que Jesse Eisenberg está desesperado para filmagens?

Jesse Eisenberg retornará para Truque de Mestre 3 com retorno do elenco original da franquia

Eisenberg dá as cartas em Truque de Mestre
Eisenberg dá as cartas em Truque de Mestre

Um dos principais sucessos da carreira de Jesse Eisenberg, que também participou de filmes como Zumbilândia (2009), A Rede Social (2010) e Batman vs Superman: A Origem da Justiça (2016), a franquia Truque de Mestre finalmente ganhará terceiro filme. Além dos fãs, o próprio ator está ansioso para a nova entrada - e revelou como está desesperado para as filmagens começarem.

Vale lembrar como Truque de Mestre 2, o mais recente da franquia, estreou há mais de sete anos, no dia 9 de junho de 2016 nos cinemas brasileiros. Durante entrevista ao Collider, Eisenberg, intérprete de J. Daniel Atlas, falou sobre a ansiedade para dar continuidade à saga.

+++LEIA MAIS: Truque de Mestre: 5 curiosidades sobre filme; acidente de Mark Ruffalo, mágicas e mais [LISTA]

"É por isso que amo tanto [os filmes] e estou tão desesperado para fazer um terceiro. É como se fosse a única vez na qual eu poderia diminuir minha dose de antidepressivo, porque me sinto muito à vontade e confortável comigo mesmo como artista, porque meu personagem também é um," afirmou.

Então, de certa forma, a maneira como eu descreveria o método de atuação seria quase o contrário: o personagem faz você sentir algo sobre si mesmo.

Além disso, Jesse Eisenberg falou sobre as diferenças entre ele e J. Daniel Atlas: "O personagem é um artista muito confiante, e eu sou um artista muito inseguro que tem dúvidas," explicou. "Não assisto nenhum dos filmes nos quais participei, tento evitar quadros estáticos dos filmes."

+++LEIA MAIS: Jesse Eisenberg revela que viverá Pé Grande em novo filme dos Irmãos Zellner

"Não quero me ver, porque estou sobrecarregado com minhas próprias ansiedades sobre mim mesmo," continuou o ator. "Então, ser um artista que se sente bem consigo mesmo e realmente estar em um set de filmagem onde atuo é o melhor método que senti. Eu ando por aí quase arrogante nesses sets."