Circo Rock'n'Roll

Com A Bigger Bang, os Stones realizam a maratona de shows mais rentável da história

Brian Hiatt Publicado em 16/08/2007, às 15h40 - Atualizado em 31/08/2007, às 13h57

"Este ano foi do cacete", declarou Keith Richards aos seus 60 mil fãs, na primeira noite da última fase da turnê A Bigger Bang dos Rolling Stones. O show de 20 de setembro, no Gillette Stadium, em Massachusetts, marcou a volta de Richards aos palcos dos Estados Unidos depois do tombo que lhe rendeu uma cirurgia na cabeça.

"Que bom ver vocês - e desta vez falo muito sério", disse. Acreditar é fácil: "A Bigger Bang" está prestes a se tornar a maratona de shows que mais arrecadou dinheiro nos Estados Unidos, beirando os 2 milhões de ingressos vendidos e somando US$ 256 milhões em receita. A banda já se apresentou mais de 100 vezes, em 20 países (o Brasil entre eles), desde que pôs o pé na estrada em agosto de 2005. "Parece que não tem fim", diz Richards. "Ninguém pára essa turnê." Na primeira metade do show, Keith passou a maior parte do tempo parado, mesmo com a performance atlética de Mick Jagger, que corre sem parar no palco de 60 metros de largura.

Como Mick faz isso, aos 63 anos? "É disciplina", diz Jagger, "é me manter centrado, malhar um pouquinho antes da turnê, e contar com a sorte." Richard diz que se sente muito bem depois do acidente: "Só tenho mais fome - e não sei o porquê disso. O que gosto no meu corpo é que nunca penso nele, a menos que eu caia e abra a cabeça", diz. Em abril, o guitarrista caiu de uma árvore em Fiji. Bateu a cabeça e teve de enfrentar uma cirurgia no cérebro. "Todo mundo pensa que era uma palmeira de 15 metros de altura", ri. "É vergonhoso: eu estava sentado num arbusto retorcido a uns dois metros do chão; tinha nadado e estava molhado. Caí de mau jeito e bati a cabeça." Richards autorizou a cirurgia sem hesitar: "Tinha que fazer. Acho que a lição é 'não sentar mais em árvores'."

A Bigger Bang deve continuar em 2007, apesar de ainda não haver datas confirmadas. "Não quero passar o ano fazendo shows", diz Jagger. "Tenho filhos e eles precisam de cuidado, e eu também estou a fim de um pouco de descanso", referindo-se provavelmente a Lucas Jagger, seu filho com a apresentadora Luciana Gimenez. Já Richards espera voltar logo ao estúdio, revelando que o disco novo deve sair no ano que vem. Jagger ficou surpreso ao saber dos planos: "Talvez ele fale comigo sobre isso um dia desses".