Mistura Fina

Inspirada pela mãe atriz, Aline Muniz soma música à interpretação

Por Paulo Cavalcanti Publicado em 09/02/2009, às 18h37

O sobrenome remete ao da mãe, a atriz Angelina Muniz. Mas por que a cantora Aline Muniz resolveu se dedicar à música, e não às artes dramáticas, é uma questão que ela própria responde com facilidade. "Mesmo quando estava no teatro, dava um jeito de cantar", ela admite. "Quando tive que optar entre cantar e interpretar, nem sabia que estava escolhendo. Não deixo de interpretar cantando, muito pelo contrário, somo as informações. Faço as duas coisas na mesma profissão."

Obviamente, a carioca de 25 anos - cuja estréia em CD, Da Pá Virada, saiu em 2008 - tem orgulho da linhagem famosa e considera o fato uma vantagem. "Sempre observei a maneira como ela trabalha, o que me deu muita experiência", ela fala sobre Angelina, atriz consagrada em novelas. "Desde pequena era levada a peças, escutava grandes cantores e compositores, me interessava por cultura devido à profissão da minha mãe. Até agora os contras não se apresentaram. Ainda bem!"

Você lê esta matéria na íntegra na edição 29, fevereiro/2009