Nick Jonas

Por Jenny Eliscu Publicado em 22/02/2010, às 09h26

Álbum Who I Am

Previsto para fevereiro

Enquanto seus irmãos descansaram em férias, Nick Jonas trabalhou: foi ao Blackbird Studio, em Nashville, com três antigos integrantes da banda New Power Generation, de Prince, para gravar um conjunto de músicas "que não eram boas pro Jonas Brothers", diz o pop star de 17 anos.

Em apenas oito dias, Jonas e sua nova banda de apoio - chamada The Administration, em referência a seu apelido (Mr. President) - concluiram o álbum de estreia. O disco de dez faixas marca uma forte ruptura com o animado power pop que ele compõe no Jonas Brothers: canções como "In the End" e "Olive and the Arrow" exploram um soul queridinho anos 70, enquanto faixas R&B leves e soltas como "Rose Garden" soam a John Mayer. "É uma coisa bem anos 60, 70 - tocamos juntos como uma banda e gravamos sem colocar muito brilho no som", diz Jonas, que cita como grandes influências do álbum clássicos do soul, como Bill Withers e Stevie Wonder, e também artistas jovens, como Jonny Lang. E Jonas espera testar o material numa pequena turnê de promoção do álbum. "Espero que quando as pessoas ouvirem o álbum", diz ele, "que elas ouçam sem preconceitos".