Retropop Doce

Em seu segundo álbum, dupla She & Him faz cover do NRBQ e evoca Roy Orbison

Por Charles Cross Publicado em 16/03/2010, às 08h15

Zooey Deschanel e M. Ward gravam no esquema "quando dá"
JUSTIN DYLAN RENNEY

Álbum Volume Two

Previsto para 23 de março

Enquanto muitas bandas se isolam no estúdio por meses para produzir um álbum, o She & Him usa o método moderno: o esquema multitarefa. O segundo disco da dupla, Volume Two, foi gravado no tempo que Zooey Deschanel tinha livre entre seus compromissos como atriz e quando seu parceiro, M. Ward, não estava excursionando sozinho ou com sua banda Monsters of Folk. "Aproveitávamos uns dias aqui, uma semana ali", conta Deschanel.

A primeira oportunidade que a banda tem de ouvir a versão totalmente mixada do álbum é em um estúdio em Seattle, um dia depois do Natal. Zooey parece adorar tudo aquilo. "Acho que se ficássemos longe dois meses não seria bom para as músicas", diz Ward. As dificuldades de agenda fizeram com que o CD fosse gravado em Los Angeles e Portland, e em três estúdios diferentes, mas as coisas funcionam assim desde a formação do She & Him, em 2007. "Compor é uma válvula de escape para mim," confessa Deschanel.

O casamento musical entre Ward e Deschanel, cuja estreia fez sucesso entre o público indie, segue com a mesma mistura vigorosa e ensolarada de folk rock e pop. No primeiro single, "In the Sun", Deschanel canta como Ronnie Spector, enquanto Ward cria uma parede sonora com seu violão ao fundo. "Thieves" é ainda melhor, e contrasta os vocais cada vez mais confiantes de Deschanel com uma seção de cordas que funciona como em um clássico de Roy Orbison. Se há algo de estranhamente nostálgico no clima de Volume Two, é devido ao mútuo gosto dos dois. "Muita gente diz que a gente soa 'retrô'", diz Ward. "Não quero levar as pessoas a algum período específico de tempo, apenas para algum lugar distante." Adequadamente, as duas covers presentes no álbum são "Gonna Get Along without You Now", de Skeeter Davis e "Ridin' in My Car", do NRBQ.