Time de Estrelas Celebra Buddy Holly

Paul McCartney, Cee Lo e outros artistas gravam disco de tributo à breve carreira do músico

Por Andy Greene Publicado em 08/08/2011, às 12h50 - Atualizado em 07/11/2011, às 13h20

LENDA Em dois anos, Buddy Holly gravou inúmeros clássicos do Rock
Divulgação

Buddy Holly tinha apenas 22 anos (e havia começado a compor e gravar suas músicas há apenas dois) quando morreu em um acidente de avião, em 1959. Mas estas músicas - incluindo sucessos imortais como "Not Fade Away" e "Peggy Sue" - têm tido um impacto incalculável na história do rock. "Ele foi uma grande influência para os Beatles", declarou Paul McCartney à Rolling Stone recentemente. "John e eu passamos horas tentando descobrir como tocar o riff de abertura de 'That'll Be the Day' e fomos verdadeiramente abençoados pelos céus no dia em que conseguimos. Foi a primeira música que John, George e eu gravamos."

Meio século mais tarde, McCartney retornou ao catálogo de Holly, gravando uma incendiária interpretação de "It's So Easy". Essa é uma das 19 covers de Holly recém gravadas - por um time de estrelas que inclui Black Keys, My Morning Jacket, Kid Rock, Fiona Apple, Patti Smith e Lou Reed - para o disco tributo Rave On Buddy Holly, capitaneado por Randall Poster, supervisor musical de filmes como Os Excêntricos Tenembaums e Não Estou Lá. "Queríamos comemorar o 75º aniversário de Buddy", diz Poster. "Usei muitas de suas músicas em filmes, e elas são tão poderosas e com tanto potencial de interpretação."

A banda Florence and the Machine gravou uma versão de "Not Fade Away" com um ar de Nova Orleans, enquanto passava pela cidade em turnê no ano passado. "Minha avó me levou para assistir ao músical Buddy: The Buddy Holly Story quando eu era pequena e aquilo mudou minha vida", diz a vocalista Florence Welch. "Quando estávamos em Nova Orleans, decidimos que seria bom usar o ambiente à nossa volta, então chamamos alguns músicos cajun locais." Cee Lo Green encarou ("You're So Square") "Baby, I Don't Care". "Queríamos manter o rockabilly intacto", diz ele. "Mas demos uma amplitude maior e acrescentamos uma pitada de algo que fosse único para mim. Há algo americano, algo country e algo africano."

Patti Smith escolheu "Words of Love". "Durante a música ela fala em espanhol e meio que evoca [a viúva de Holly] Maria Elena Holly", diz Poster. "É muito romântica e diferente." Apesar da carreira extremamente breve de Holly, Poster acha que a lista de faixas poderia ter sido ainda mais longa: "Há provavelmente mais uma meia-dúzia de canções que poderíamos ter incluído. Se eu tivesse mais tempo e mais orçamento, teria feito ainda mais."